Mercado abrirá em 1 h 24 min
  • BOVESPA

    100.774,57
    -1.140,88 (-1,12%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.007,16
    +308,44 (+0,62%)
     
  • PETROLEO CRU

    67,07
    +1,50 (+2,29%)
     
  • OURO

    1.775,00
    -9,30 (-0,52%)
     
  • BTC-USD

    56.654,37
    -376,00 (-0,66%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.444,02
    -25,07 (-1,71%)
     
  • S&P500

    4.513,04
    -53,96 (-1,18%)
     
  • DOW JONES

    34.022,04
    -461,68 (-1,34%)
     
  • FTSE

    7.113,91
    -54,77 (-0,76%)
     
  • HANG SENG

    23.788,93
    +130,01 (+0,55%)
     
  • NIKKEI

    27.753,37
    -182,25 (-0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.919,25
    +49,50 (+0,31%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4085
    -0,0383 (-0,59%)
     

MediaTek Dimensity 2000 quebra recordes em resultado vazado do AnTuTu

·3 min de leitura

Sem alarde, a MediaTek confirmou nesta quinta (11) o anúncio do primeiro chip para celulares do mundo fabricado com a litografia de 4 nm da TSMC, cujos rumores indicam se tratar do aguardado Dimensity 2000. A notícia surpreende, especialmente quando consideramos que o A15 Bionic da Apple, hoje o processador mais potente do mundo mobile, manteve o uso do processo de 5 nm.

No teaser divulgado, a empresa taiwanesa garantiu um novo patamar de desempenho, acompanhado de autonomia de bateria "quase infinita", mas não chegou a divulgar nenhum detalhe sobre o componente. Agora, cortesia do leaker Ice Universe, tivemos o vazamento de uma suposta pontuação do novo Dimensity no AnTuTu, e os números impressionam.

Dimensity 2000 bate recordes em teste vazado

O teste foi realizado na versão 9.2.1 do AnTuTu e registra nada menos do que 1.002.220 pontos, valor recorde para celulares. O número é tão elevado que leva o aplicativo a emitir mensagens indicando que "a pontuação é anormal", e que o desempenho "obviamente está além do normal", seja por trapaças ou pela adoção de novas tecnologias, o mais provável no caso.

A marca é ainda mais impressionante quando comparada aos chips já disponíveis no mercado: o melhor Snapdragon 888 presente no ranking oficial do AnTuTu é de 858.734 pontos, atingida pelo Nubia Red Magic 6 que, vale destacar, possui uma ventoinha para resfriamento.

A nova solução da MediaTek chega até mesmo a superar os melhores resultados do iPhone 13, que chegam aos 843.813 pontos em um iPhone 13 Pro Max. Os mais de 1 milhão de pontos conseguem se aproximar do poderoso M1 da Apple, utilizado no iPad Pro 2021 de 11 polegadas, que marca 1.167.302 de pontos.

Em porcentagem, temos vantagens de 16% frente ao Snapdragon, e de 18% em comparação ao A15 Bionic. Enquanto isso, a desvantagem em comparação ao M1 é proporcional, também de 16%. O grande trunfo do Dimensity 2000 pode ser os ganhos em comparação ao antecessor, o Dimensity 1200 — o atual topo de linha da MediaTek entrega até 690.250 pontos em um Redmi K40 Gaming, 46% menos desempenho que a nova solução.

Dito tudo isso, vale exercer um pouco de cautela no momento, já que é necessário considerar alguns pontos: além de se tratar de um resultado vazado, e não verificado pelo AnTuTu, é possível que os próximos lançamentos de Qualcomm e Samsung se saiam tão bem, ou mesmo melhor que a solução da MediaTek.

Fora isso, esse é o resultado de apenas um teste — para confirmarmos a capacidade do chip, é necessário checar pontuações em outros benchmarks. O ideal é aguardar pelo anúncio oficial, que deve ocorrer ainda neste ano.

Novo chip da MediaTek pode estrear arquitetura ARMv9

Segundo as informações sugeridas por rumores, que se mostraram corretos até o momento, o Dimensity 2000 deve marcar uma mudança radical para a MediaTek, bem como um cenário mais competitivo no mundo mobile. A solução será a primeira do mundo para celulares a ser fabricada em 4 nm, e pode ainda estrear a recém-lançada arquitetura ARMv9, com todos os novos núcleos anunciados pela ARM.

O Dimensity 2000 pode ser o primeiro chip do mercado com arquitetura ARMv9, bem como estrear a tecnologia de Ray Tracing nos celulares (Imagem: Divulgação/MediaTek)
O Dimensity 2000 pode ser o primeiro chip do mercado com arquitetura ARMv9, bem como estrear a tecnologia de Ray Tracing nos celulares (Imagem: Divulgação/MediaTek)

O componente contaria com uma configuração de 8 núcleos em 1 + 3 + 4, com um núcleo Cortex-X2 de máxima performance, três Cortex-A710 de alto desempenho e quatro Cortex-A510 de baixo consumo. Como resultado, o desempenho seria similar ao do Snapdragon 898, mas consumindo até 25% menos energia. No mais, é possível ainda que vejamos a empresa ser a primeira a oferecer tecnologia de Ray Tracing em games para smartphones.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos