Mercado fechado
  • BOVESPA

    125.052,78
    -1.094,22 (-0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.268,45
    +27,95 (+0,06%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,17
    +0,26 (+0,36%)
     
  • OURO

    1.802,10
    -3,30 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    34.390,37
    +88,64 (+0,26%)
     
  • CMC Crypto 200

    786,33
    -7,40 (-0,93%)
     
  • S&P500

    4.411,79
    +44,31 (+1,01%)
     
  • DOW JONES

    35.061,55
    +238,15 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.027,58
    +59,28 (+0,85%)
     
  • HANG SENG

    27.321,98
    -401,82 (-1,45%)
     
  • NIKKEI

    27.548,00
    +159,80 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.091,25
    +162,75 (+1,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1216
    +0,0014 (+0,02%)
     

MediaTek Dimensity 2000 pode chegar com fabricação em 4 nm no início de 2022

·2 minuto de leitura

Lançado em janeiro deste ano, o Dimensity 1200 marcou um avanço significativo da MediaTek no mercado de chipsets. Apesar de não utilizar o núcleo mais poderoso da ARM no momento, o Cortex-X1, a plataforma mostrou o empenho da fabricante em oferecer desempenho competitivo, com o chip entregando praticamente a mesma performance oferecida pelo rival Snapdragon 870.

Atual líder em participação de mercado, a MediaTek tem ambições maiores, como indicam diversos rumores. A próxima geração do processador topo de linha da companhia pode ser pioneira no uso da nova arquitetura ARMv9, além de ser uma das primeiras do mercado a contar com a nova litografia de 4 nm da TSMC, informações que acabam de ser reforçadas por mais um rumor.

Dimensity 2000 chega em 4 nm no início de 2022

Segundo postagem feita pelo leaker Digital Chat Station na rede social chinesa Weibo, o próximo chipset topo de linha da MediaTek, identificado por enquanto como Dimensity 2000, será lançado na primeira metade de 2022. Assim como especulado no passado, o leaker indica que a solução será de fato fabricada com o processo de 4 nm da TSMC, e utilizada por diversas fabricantes.

O sucessor do Dimensity 1200 pode chegar na primeira metade de 2022, com fabricação em 4 nm (Imagem: Divulgação/Realme)
O sucessor do Dimensity 1200 pode chegar na primeira metade de 2022, com fabricação em 4 nm (Imagem: Divulgação/Realme)

Também há menção à litografia de 3 nm da TSMC, com traduções via máquina indicando que Digital Chat Station sugere que a empresa também já estaria desenvolvendo novos processadores com a tecnologia, estando entre as primeiras a adotar o processo.

Tome esse trecho em específico como especulação, no entanto — pode ter havido uma falha na tradução e, além disso, outros rumores apontaram que a Apple teria reservado a maior parte da agenda de 3 nm da TSMC.

Novo chip traz ARMv9 e núcleo Cortex-X2

Como lembra o site FoneArena, rumores mais antigos sugeriram que o Dimensity 2000 pode contar com uma configuração significativamente mais poderosa que o antecessor. Tirando total proveito da nova arquitetura ARMv9, o chip seria equipado com todos os núcleos mais recentes da ARM, incluindo o Cortex-X2, o Cortex-A710 e o Cortex-A510.

Caso conte com o Cortex-X2, o Dimensity 2000 pode ser um concorrente de peso para o sucessor do Snapdragon 888 (Imagem: Reprodução/ARM)
Caso conte com o Cortex-X2, o Dimensity 2000 pode ser um concorrente de peso para o sucessor do Snapdragon 888 (Imagem: Reprodução/ARM)

Juntos à litografia de 4 nm, os núcleos ofereceriam um salto substancial de desempenho, tornando o próximo Dimensity um competidor de peso para o sucessor do Snapdragon 888, além de ser significativamente mais eficiente, um dos pontos criticados na atual família de processadores da MediaTek.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos