Mercado abrirá em 50 mins
  • BOVESPA

    114.428,18
    -219,81 (-0,19%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.686,03
    -112,35 (-0,21%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,52
    +1,08 (+1,31%)
     
  • OURO

    1.778,60
    +12,90 (+0,73%)
     
  • BTC-USD

    62.265,88
    +750,23 (+1,22%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.452,38
    +0,74 (+0,05%)
     
  • S&P500

    4.486,46
    +15,09 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    35.258,61
    -36,15 (-0,10%)
     
  • FTSE

    7.211,90
    +8,07 (+0,11%)
     
  • HANG SENG

    25.787,21
    +377,46 (+1,49%)
     
  • NIKKEI

    29.215,52
    +190,06 (+0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.348,50
    +58,00 (+0,38%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4182
    +0,0267 (+0,42%)
     

MediaTek Dimensity 2000 deve ser 20% mais eficiente do que o Snapdragon 898

·1 minuto de leitura

O MediaTek Dimensity 2000 — próximo chipset topo de linha da fabricante taiwanesa — deve chegar ao mercado com um melhor desempenho para o gerenciamento de energia do que seu futuro rival, o também ainda não lançado Snapdragon 898 da Qualcomm. As duas plataformas móveis devem ser anunciadas até o final deste ano, ou pelo menos no começo de 2022, mas alguns rumores já dão os primeiros detalhes sobre eles.

De acordo com relatos do portal chinês MyDrivers, o chip da MediaTek deve chegar ao mercado com um gerenciamento de energia entre 20 e 25% mais eficiente do que o Snapdragon 898. Isso será útil para que os smartphones economizem mais bateria durante o dia. Além disso, também é esperado que o hardware taiwanês tenha uma performance geral melhor do que o adversário, mas não foram revelados números sobre isso.

(Imagem: Divulgação/MediaTek)
(Imagem: Divulgação/MediaTek)

Até o momento não foi divulgada nenhuma informação oficial sobre o desempenho de ambos os chipsets, mas, caso os rumores estejam certos, isso tornará o Dimensity 2000 uma boa escolha para as fabricantes de smartphones equiparem seus dispositivos topos de linha.

Como dito, o Dimensity 2000 deve ser lançado, no máximo, até o começo do ano que vem, e os rumores apontam que ele será equipado com núcleos Cortex X2 e Cortex A710, enquanto o processamento gráfico ficará à cargo de uma GPU baseada na arquitetura Mali G710. Além disso, é esperado que o chip seja desenvolvido com os processos de 4 nanômetros da TSMC, o que será responsável pelo aumento de sua performance e desempenho.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos