Mercado fechará em 6 h 45 min
  • BOVESPA

    119.576,79
    +12,35 (+0,01%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.399,80
    +71,60 (+0,15%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,46
    -0,17 (-0,26%)
     
  • OURO

    1.792,40
    +8,10 (+0,45%)
     
  • BTC-USD

    57.395,88
    +1.792,55 (+3,22%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.478,18
    +72,87 (+5,19%)
     
  • S&P500

    4.167,59
    +2,93 (+0,07%)
     
  • DOW JONES

    34.230,34
    +97,34 (+0,29%)
     
  • FTSE

    7.048,95
    +9,65 (+0,14%)
     
  • HANG SENG

    28.637,46
    +219,46 (+0,77%)
     
  • NIKKEI

    29.331,37
    +518,77 (+1,80%)
     
  • NASDAQ

    13.472,50
    -18,50 (-0,14%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4119
    -0,0150 (-0,23%)
     

McDonald's vai treinar funcionários para combater assédio e discriminação

Nivedita Balu
.

Por Nivedita Balu

(Reuters) - O McDonald's disse nesta quarta-feira que vai exigir novos treinamentos e políticas para combater assédio, discriminação e violência em seus 39 mil restaurantes em todo o mundo.

A rede de fast-food afirma que suas lojas, a maioria dos quais administradas por franqueados, deverão atender aos novos padrões a partir de janeiro de 2022.

A mudança faz parte do plano da empresa para tornar os ambientes mais seguros para trabalhadores, após ter enfrentado vários processos judiciais acusando-a de sujeitar as funcionárias de seus restaurantes a assédio sexual generalizado.