Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.439,37
    -2.354,91 (-2,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,62 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,96
    -0,65 (-0,90%)
     
  • OURO

    1.753,90
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    48.666,31
    +744,55 (+1,55%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.193,48
    -32,05 (-2,62%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,44 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.963,64
    -63,84 (-0,91%)
     
  • HANG SENG

    24.920,76
    +252,91 (+1,03%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,71 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.530,00
    +12,25 (+0,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1994
    +0,0146 (+0,24%)
     

Maria Suelen sofre lesão e cai nas quartas do judô; Rafael Silva, o 'Baby', também é derrotado

·1 minuto de leitura


Após vencer as primeiras lutas nos Jogos Olímpicos de Tóquio, os brasileiros Rafael Silva e Maria Suelen acabaram derrotados nas quartas de final. Baby perdeu para Guram Tushishvili, da Geórgia, enquanto a judoca caiu para a francesa Romane Dicko. Contudo, o que chamou atenção foi a lesão que a brasileira sofreu ao levar um golpe da adversária.

Mais leve, nova e rápida, a atleta francesa comandou as ações no duelo da categoria acima de 78kg. Maria Suelen não conseguiu se impor no duelo e acabou golpeada pela adversária. Logo ao cair no chão, a brasileira bateu nas costas da francesa, desesperada de dor. Maria precisou ser retirada de maca do tatame.

Como perdeu na repescagem, Maria Suelen poderia disputar a repescagem e buscar a medalha de bronze, mas como se lesionou durante o duelo, não é certa a volta da brasileira ao tatame. Assim como Suelen, Baby enfrentou um judoca mais ágil e leve, e não conseguiu encaixar os golpes, sendo eliminado após três punições por falta de combatividade.

Na repescagem e também com chance de garantir a medalha de bronze, o brasileiro enfrentará o astro Teddy Riner, da França. Desclassificado surpreendentemente nas quartas de final, o europeu é atual bicampeão olímpico e também já conquistou uma medalha de bronze nas Olimpíadas de Pequim 2008.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos