Mercado abrirá em 9 h 46 min
  • BOVESPA

    95.368,76
    -4.236,78 (-4,25%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    37.393,71
    -607,60 (-1,60%)
     
  • PETROLEO CRU

    37,68
    +0,29 (+0,78%)
     
  • OURO

    1.878,40
    -0,80 (-0,04%)
     
  • BTC-USD

    13.246,52
    +29,23 (+0,22%)
     
  • CMC Crypto 200

    262,24
    -10,45 (-3,83%)
     
  • S&P500

    3.271,03
    -119,65 (-3,53%)
     
  • DOW JONES

    26.519,95
    -943,24 (-3,43%)
     
  • FTSE

    5.582,80
    -146,19 (-2,55%)
     
  • HANG SENG

    24.399,90
    -308,90 (-1,25%)
     
  • NIKKEI

    23.265,52
    -152,99 (-0,65%)
     
  • NASDAQ

    11.233,00
    +100,25 (+0,90%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7384
    +0,0040 (+0,06%)
     

Marco Aurélio dá 3º voto no STF contra venda de refinarias da Petrobras

·1 minuto de leitura
Pessoas caminham em frente à sede da Petrobras, no Rio de Janeiro
Pessoas caminham em frente à sede da Petrobras, no Rio de Janeiro

BRASÍLIA/SÃO PAULO (Reuters) - A Petrobras teve o terceiro voto contrário à continuidade de processos para a venda de suas refinarias durante julgamento virtual no plenário do Supremo Tribunal Federal (STF), com o voto do ministro Marco Aurélio Mello dado na tarde desta segunda-feira.

Marco Aurélio acompanhou o relator do processo, Edson Fachin, e o colega Ricardo Lewandowski, ambos favoráveis à paralisação das privatizações.

O teor do voto de Marco Aurélio não foi divulgado até o momento, constando apenas que ele acompanhou o relator.

O STF decidirá até o dia 25 sobre a negociação das refinarias, após pedidos das Mesas da Câmara dos Deputados, do Senado e do Congresso para suspender as transações.

(Por Ricardo Brito e Luciano Costa)