Mercado fechará em 2 h 40 min
  • BOVESPA

    120.188,15
    +126,16 (+0,11%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.001,87
    +134,25 (+0,27%)
     
  • PETROLEO CRU

    61,34
    -0,01 (-0,02%)
     
  • OURO

    1.783,30
    -9,80 (-0,55%)
     
  • BTC-USD

    54.443,72
    -1.758,86 (-3,13%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.270,67
    +27,62 (+2,22%)
     
  • S&P500

    4.145,56
    -27,86 (-0,67%)
     
  • DOW JONES

    33.862,11
    -275,20 (-0,81%)
     
  • FTSE

    6.938,24
    +42,95 (+0,62%)
     
  • HANG SENG

    28.755,34
    +133,42 (+0,47%)
     
  • NIKKEI

    29.188,17
    +679,62 (+2,38%)
     
  • NASDAQ

    13.856,25
    -63,00 (-0,45%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5937
    -0,1083 (-1,62%)
     

Mank lidera indicações ao Oscar 2021: confira a lista completa

Beatriz Vaccari
·6 minuto de leitura

A temporada de premiações continua e já distribuiu os prêmios dados pela Associação de Imprensa Estrangeira de Hollywood e pela Broadcast Film Critics Association, respectivamente por meio do Globo de Ouro e do Critics' Choice Awards. O período ainda conta com o SAG Awards, organizado pelo Sindicato de Atores dos Estados Unidos e o BAFTA, considerado o "Oscar britânico" e diversas cerimônias dedicadas a reconhecer o trabalho da equipe técnica nos filmes, como Costume Designers Guild Awards, Visual Effects Society Awards entre outros.

Nesta segunda-feira (15), a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas divulgou os indicados para 93ª cerimônia do Oscar, responsável por encerrar a temporada de premiações cuja distribuição dos prêmios está marcada para 25 de abril, virtualmente. Entre os destaques está Mank, longa-metragem de David Fincher que lidera as indicações nestas 10 categorias: Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Ator (Gary Oldman), Melhor Atriz Coadjuvante (Amanda Seyfried), Melhor Fotografia, Melhor Figurino, Melhor Maquiagem e Cabelo, Melhor Trilha Sonora Original, Melhor Design de Produção e Melhor Som.

Bong Joon Ho foi o grande vencedor do Oscar 2020, ganhando quatro categorias com Parasita (Imagem: Divulgação / The Academy)
Bong Joon Ho foi o grande vencedor do Oscar 2020, ganhando quatro categorias com Parasita (Imagem: Divulgação / The Academy)

Em seguida, seis filmes foram indicados a seis categorias, empatando no segundo lugar com mais nomeações. São eles: Meu Pai, Judas e o Messias Negro, Minari, Nomadland, O Som do Silêncio e Os 7 de Chicago. Vale destacar a indicação de duas mulheres para Melhor Direção, após a categoria ter sido altamente criticada no ano passado pela ausência de diretoras femininas. São elas: Chloé Zhao (Nomadland) e Emerald Fennell (Bela Vingança).

Adiada por conta da pandemia de COVID-19, a cerimônia do Oscar ocorrerá de maneira remota em vários lugares do mundo. "Neste ano único que exigiu tanto de nós, a Academia está determinada a apresentar um Oscar como nenhum outro, enquanto prioriza a saúde pública e a segurança de todos aqueles que irão participar", disse um porta-voz da Academia à Variety. "Para criar o show presencial que nosso público global quer ver, enquanto se adapta aos requisitos da pandemia, a cerimônia será transmitida ao vivo de vários locais, incluindo o famoso Teatro Dolby."

A cerimônia está marcada para o dia 25 de abril e será exibida nos canais pagos TNT e TNT Séries. Confira a lista completa dos indicados abaixo.

Mank é o líder de indicações do Oscar desse ano (Imagem: Divulgação / Netflix)
Mank é o líder de indicações do Oscar desse ano (Imagem: Divulgação / Netflix)

Melhor Filme

  • Meu Pai (Sony Pictures)

  • Judas e o Messias Negro (Warner Bros.)

  • Mank (Netflix)

  • Minari (A24)

  • Nomadland (Searchlight Pictures)

  • Bela Vingança (Focus Features)

  • O Som do Silêncio (Amazon Studios)

  • Os 7 de Chicago (Netflix)

Melhor Diretor

  • Thomas Vinterberg — Another Round

  • David Fincher — Mank

  • Lee Isaac Chung — Minari

  • Chloé Zhao — Nomadland

  • Emerald Fennell — Bela Vingança

Favorito para o prêmio, Nomadland é indicado em seis categorias, incluindo filme e direção (Imagem: Divulgação / Searchlight Pictures)
Favorito para o prêmio, Nomadland é indicado em seis categorias, incluindo filme e direção (Imagem: Divulgação / Searchlight Pictures)

Melhor Ator

Melhor Atriz

  • Viola Davis — A Voz Suprema do Blues

  • Andra Day — Estados Unidos vs Billie Holiday

  • Vanessa Kirby — Pieces of a Woman

  • Frances McDormand — Nomadland

  • Carey Mulligan — Bela Vingança

Carey Mulligan é indicada à categoria de Melhor Atriz por Bela Vingança (Imagem: Divulgação / Focus)
Carey Mulligan é indicada à categoria de Melhor Atriz por Bela Vingança (Imagem: Divulgação / Focus)

Melhor Ator Coadjuvante

  • Daniel Kaluuya — Judas e o Messias Negro

  • Lakeith Stanfield — Judas e o Messias Negro

  • Sacha Baron Cohen — Os 7 de Chicago

  • Leslie Odom Jr. — Uma Noite em Miami

  • Paul Raci — O Som do Silêncio

Melhor Atriz Coadjuvante

Sacha Baron Cohen foi indicado na categoria de Melhor Ator por Os 7 de Chicago (Imagem: Divulgação / Netflix)
Sacha Baron Cohen foi indicado na categoria de Melhor Ator por Os 7 de Chicago (Imagem: Divulgação / Netflix)

Melhor Roteiro Adaptado

  • Borat: Fita de Cinema Seguinte — Peter Baynham, Sacha Baron Cohen, Jena Friedman, Anthony Hines, Lee Kern, Dan Mazer, Nina Pedrad, Erica Rivinoja, Dan Swimer

  • Meu Pai — Christopher Hampton, Florian Zeller

  • Nomadland — Chloé Zhao

  • Uma Noite em Miami... — Kemp Powers

  • O Tigre Branco — Ramin Bahrani

Melhor Roteiro Original

  • Judas e o Messias Negro — Will Berson, Shaka King, Keith Lucas, Kenneth Lucas

  • Minari — Lee Isaac Chung

  • Bela Vingança — Emerald Fennell

  • Os 7 de Chicago — Aaron Sorkin

  • O Som do Silêncio — Abraham Marder, Darius Marder, Derek Cianfrance

O Som do Silêncio é um dos indicados para Roteiro Original (Imagem: Divulgação / Amazon Studios)
O Som do Silêncio é um dos indicados para Roteiro Original (Imagem: Divulgação / Amazon Studios)

Melhor Canção Original

  • Fight for You — Judas e o Messias Negro

  • Hear My Voice — Os 7 de Chicago

  • Húsavík Festival — Eurovision da Canção: A Saga de Sigrit e Lars

  • Io Si (Seen) — Rosa e Momo

  • Speak Now — Uma Noite em Miami...

Melhor Trilha Sonora

Uma Noite em Miami... concorre ao Oscar de Canção Original (Imagem: Divulgação / Amazon Studios)
Uma Noite em Miami... concorre ao Oscar de Canção Original (Imagem: Divulgação / Amazon Studios)

Melhor Som

Melhor Figurino

  • Emma. — Alexandra Byrne

  • Mank — Trish Summerville

  • A Voz Suprema do Blues — Ann Roth

  • Mulan — Bina Daigeler

  • Pinóquio — Massimo Cantini Parrini

Emma. disputa categorias de figurino e maquiagem (Imagem: Divulgação / Focus)
Emma. disputa categorias de figurino e maquiagem (Imagem: Divulgação / Focus)

Melhor Curta de Animação

  • Toca (Disney+/Pixar)

  • Genius Loci (Kazak Productions)

  • Se Algo Acontecer... Te Amo (Netflix)

  • Opera (Beasts and Natives Alike)

  • Yes-People (CAOZ hf. Hólamói)

Melhor Curta em Live-Action

  • Feeling Through

  • The Letter Room

  • The Present

  • Two Distant Strangers

  • White Eye

Soul é um dos indicados entre filmes de animação (Imagem: Divulgação / Pixar)
Soul é um dos indicados entre filmes de animação (Imagem: Divulgação / Pixar)

Melhor Filme de Animação

Melhor Fotografia

  • Judas e o Messias Negro — Sean Bobbitt

  • Mank — Erik Messerschmidt

  • Relatos do Mundo — Dariusz Wolski

  • Nomadland — Joshua James Richards

  • Os 7 de Chicago — Phedon Papamichael

Melhor Documentário

  • Collective (Voodoo Films, HBO Europe, Magnolia Pictures)

  • Professor Polvo (Netflix)

  • Crip Camp: Revolução pela Inclusão (Netflix)

  • Time (Amazon Studios)

  • The Mole Agent (Gravitas Ventures)

Judas e o Messias Negro concorre em seis categorias, incluindo Melhor Fotografia (Imagem: Divulgação / Warner Bros.)
Judas e o Messias Negro concorre em seis categorias, incluindo Melhor Fotografia (Imagem: Divulgação / Warner Bros.)

Melhor Documentário de Curta-Metragem

  • Colette (Time Travel Unlimited)

  • A Concerto Is a Conversation (Breakwater Studios)

  • Do Not Split (Field of Vision)

  • Hunger Ward (MTV Documentary Films)

  • Uma Canção para Latasha (Netflix)

Melhor Edição

  • Meu Pai — Yorgos Lamprinos

  • Nomadland — Chloé Zhao

  • Bela Vingança — Frédéric Thoraval

  • O Som do Silêncio — Mikkel E.G. Nielsen

  • Os 7 de Chicago — Alan Baumgarten

Meu Pai disputa seis categorias (Imagem: Divulgação / Sony)
Meu Pai disputa seis categorias (Imagem: Divulgação / Sony)

Melhor Filme Internacional

  • Collective (Romênia)

  • Druk (Alemanha)

  • Better Days (Hong Kong)

  • O Homem que Vendeu Sua Pele (Tunísia)

  • Quo Vadis, Aida? (Bósnia e Herzegovina)

Melhor Cabelo e Maquiagem

  • Emma. — Marese Langan

  • Era Uma Vez um Sonho — Eryn Krueger Mekash, Patricia Dehaney, Matthew Mungle

  • A Voz Suprema do Blues — Matiki Anoff, Mia Neal, Larry M. Cherry

  • Mank — Kimberley Spiteri, Gigi Williams

  • Pinóquio — Dalia Colli, Anna Kieber, Sebastian Lochmann, Stephen Murphy

A Voz Suprema do Blues disputa categorias de atuação e técnicas (Imagem: Divulgação / Netflix)
A Voz Suprema do Blues disputa categorias de atuação e técnicas (Imagem: Divulgação / Netflix)

Melhor Direção de Arte

  • Meu Pai — Peter Francis, Cathy Featherstone

  • A Voz Suprema do Blues — Mark Ricker, Karen O’Hara, Diana Stoughton

  • Mank — Donald Graham Burt, Jan Pascale

  • Relatos do Mundo — David Crank, Elizabeth Keenan

  • Tenet — Nathan Crowley, Kathy Lucas

Melhores Efeitos Visuais

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: