Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.750,22
    +1.458,62 (+1,30%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    43.646,03
    -288,18 (-0,66%)
     
  • PETROLEO CRU

    46,09
    +0,45 (+0,99%)
     
  • OURO

    1.842,00
    +0,90 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    19.050,87
    +2,58 (+0,01%)
     
  • CMC Crypto 200

    365,19
    -14,05 (-3,71%)
     
  • S&P500

    3.699,12
    +32,40 (+0,88%)
     
  • DOW JONES

    30.218,26
    +248,74 (+0,83%)
     
  • FTSE

    6.550,23
    +59,96 (+0,92%)
     
  • HANG SENG

    26.835,92
    +107,42 (+0,40%)
     
  • NIKKEI

    26.751,24
    -58,13 (-0,22%)
     
  • NASDAQ

    12.509,25
    +47,00 (+0,38%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2497
    +0,0137 (+0,22%)
     

Mancini quer Corinthians agressivo contra o América-MG: 'Buscar o gol desde o início'

Gabriel Santos
·1 minuto de leitura


O Corinthians deve ser agressivo e buscar o gol a todo momento. Essa pelo menos é a ideia do técnico Vagner Mancini, que comanda a equipe que duela diante do América-MG, às 21h30, nesta quarta-feira (28), às 21h30, na Neo Química Arena, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

- Podemos ver um time formado de forma diferente, mas um time que vai buscar o gol desde o início. O Corinthians tem de jogar de forma agressiva, é importante que o torcedor veja isso e que haja uma identificação. Para um jogo eliminatório de 180 minutos, temos que iniciar buscando a vitória a todo instante. Não posso esconder que o Corinthians vai partir para cima do América, que será agressivo, é minha maneira de trabalhar - afirmou o técnico em entrevista coletiva nesta terça-feira (27).

Mesmo estando na parte de baixo da tabela do Brasileirão e tendo a Copa do Brasil como caminho mais curto para um título e até mesmo a vaga na próxima edição da Libertadores, Mancini prefere não priorizar a disputa do mata-mata nacional.

- Lógico que é um caminho mais curto, eu estaria mentindo se não enxergasse desta forma, agora no momento em que estamos, não conseguimos priorizar nada. Prioridade é voltar a jogar um bom futebol e organizar a equipe. Fazer rodízio de jogadores é importante quando você está encontrando a equipe. Quando encontrou, com Brasileiro e Copa do Brasil, não consigo dizer qual é mais importante. A Copa talvez seja mais curta, mas as duas são importantes - finalizou o comandante do Timão.

O Corinthians vem de um bom resultado diante do Vasco, por 2 a 1, em São Januário, pelo Campeonato Brasileiro, e espera manter a boa fase, desta vez no mata-mata nacional.