Mercado fechado

Mais quadradão: Apple pode redesenhar totalmente o iPhone em 2020

Felipe Junqueira

Todo ano, quando a Apple lança o novo iPhone, os críticos reclamam da falta de criatividade em design. O iPhone X comemorou os dez anos da linha com uma renovação frontal, mas ainda seguia os “moldes” dos antecessores.

Até hoje, apenas o iPhone 4 e o 5 foram realmente diferentes do restante. Todos os outros trazem cantos arredondados, mantendo uma fórmula que dá certo, pois garante uma boa pegada para quase todo mundo.

Mas, de acordo com rumores levantados pelo site PhoneArena, o iPhone 12 vai trazer a maior mudança geral em design já vista em um smartphone da Apple. A pegada mudaria totalmente, em um corpo mais quadradão, seguindo as linhas do novo iPad Pro e do MacBook mais recente.

Conceito do iPhone 12 na cor branca (Imagem: Reprodução/PhoneArena)

Com relação à parte frontal, apesar de haver um rumor sobre um protótipo que reduz os sensores o suficiente para ficarem em uma fina borda, que seria então utilizada em torno de toda a tela, o mais provável é que o recorte siga existindo na parte superior, mas com tamanho menor, depois de três anos.

Fechando as novidades, a parte de trás é a que vai sofrer menos mudanças visuais. A lombada quadrada para as câmeras possivelmente segue, e é bem capaz que tenha sido uma jogada preparatória da Apple para inserir uma quarta lente de câmera.

Segundo um dos mais famosos analistas de assuntos da Apple, Ming-Chi Kuo, a companhia está pronta para incluir um sensor ToF (Time of Flight, que mede a distância dos objetos até o dispositivo). Com tanta aposta em realidade aumentada, é até espantoso que o iPhone ainda não tenha uma lente desse tipo.

O possível iPhone 12 ao lado do iPad Pro: design semelhante (Imagem: Reprodução/PhoneArena)

Para fechar, é bom notar que tudo não passa de rumor por enquanto. Claro que o desenvolvimento já está a pleno vapor, mas ainda é muito cedo para afirmar qualquer coisa em relação ao próximo iPhone, cuja produção em massa só deve começar em meados de 2020. Ou seja, há tempo de a Apple mudar de ideia com relação a qualquer aspecto do dispositivo.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: