Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,99 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,15
    -10,24 (-13,06%)
     
  • OURO

    1.785,50
    +1,20 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    54.557,39
    -3.269,87 (-5,65%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.365,60
    -89,82 (-6,17%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,04 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.044,03
    -266,34 (-3,64%)
     
  • HANG SENG

    24.080,52
    -659,64 (-2,67%)
     
  • NIKKEI

    28.751,62
    -747,66 (-2,53%)
     
  • NASDAQ

    16.051,00
    -315,00 (-1,92%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3485
    +0,1103 (+1,77%)
     

Mais de 25% das ações da Telecom Italia com direito a voto trocaram de mão desde oferta da KKR

·1 min de leitura

MILÃO (Reuters) - Mais de um quarto das ações da Telecom Italia com direito a voto trocaram de dono desde que a empresa norte-americana de investimentos KKR fez no fim de semana passado oferta de 12 bilhões de dólares pelo grupo italiano de telecomunicações.

Até 12h30 (horário de Brasília), dados da Refinitiv mostravam que um total de quase 4 bilhões de ações ordinárias da Telecom Italia mudaram de mão nas últimas três sessões.

Segundo cálculos da Reuters e dados do regulador do mercado italiano, Consob, o volume representa 25,6% das ações com direito a voto da Telecom Italia, que no Brasil controla a TIM.

A oferta da KKR, que enfrenta oposição do principal acionista da Telecom Italia, o grupo francês Vivendi, precisa de aprovações do conselho de administração da companhia e dos acionistas em assembleia.

(Por Danilo Masoni)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos