Mercado fechará em 1 h
  • BOVESPA

    113.216,55
    -847,81 (-0,74%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.297,37
    -166,90 (-0,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,93
    +0,63 (+0,86%)
     
  • OURO

    1.747,20
    -2,60 (-0,15%)
     
  • BTC-USD

    42.236,86
    -2.528,46 (-5,65%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.050,46
    -52,60 (-4,77%)
     
  • S&P500

    4.455,66
    +6,68 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.805,71
    +40,89 (+0,12%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    -26,87 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    24.192,16
    -318,82 (-1,30%)
     
  • NIKKEI

    30.248,81
    +609,41 (+2,06%)
     
  • NASDAQ

    15.278,75
    -24,75 (-0,16%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2495
    +0,0245 (+0,39%)
     

Mais de 1 milhão de doses da vacina da Pfizer chega ao Brasil

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO - Um lote com mais de um milhão de doses da vacina contra a Covid-19 chegou às 8h44 deste domingo, 25, ao Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP). Os imunizantes, da fabricante Pfizer, integram a quinta de um total de 13 remessas previstas para chegarem até 1º de agosto.

Outro lote, também com mais de um milhão de vacinas, está previsto para chegar a Viracopos no período da tarde. O total de 2,1 milhões de doses é o maior volume enviado pela farmacêutica ao Brasil em um único dia.

Entre a última terça-feira, 20, e sexta-feira, 23, a empresa já havia enviado outras quatro milhões de doses ao país.

Com a chegada do lote desta manhã de domingo, a Pfizer somou 27 remessas entregues ao país, totalizando 22,2 milhões das 200 milhões de doses contratadas pelo governo federal. De acordo com a Pfizer, as doses são produzidas na fábrica em Kalamazoo, no Michigan (EUA).

Vacinação adiada

O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), informou neste domingo, 25, que a vacinação contra a Covid-19 do grupo etário de 28 anos na capital foi adiada. A previsão inicial era de que essa faixa começasse a receber o imunizante na quinta-feira (29).

Segundo Nunes, a mudança foi ocasionada por uma má interpretação por parte da prefeitura. "Eu havia anunciado que nós faríamos na quinta e sexta 28 anos. Estou retirando essa confirmação. A gente tinha um diálogo com o estado que, aparentemente, nós prefeitura interpretamos mal com relação às doses", disse Nunes, na manhã deste domingo.

Já a vacinação para as pessoas com 29 anos foi mantida para terça-feira, 27, e quarta-feira, 28.

Com informações do G1

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos