Mercado fechará em 2 h 23 min
  • BOVESPA

    110.687,81
    -2.895,20 (-2,55%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.104,25
    -494,28 (-0,96%)
     
  • PETROLEO CRU

    75,18
    -0,27 (-0,36%)
     
  • OURO

    1.737,60
    -14,40 (-0,82%)
     
  • BTC-USD

    41.296,27
    -1.789,50 (-4,15%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.017,77
    -39,38 (-3,72%)
     
  • S&P500

    4.359,51
    -83,60 (-1,88%)
     
  • DOW JONES

    34.330,75
    -538,62 (-1,54%)
     
  • FTSE

    7.028,10
    -35,30 (-0,50%)
     
  • HANG SENG

    24.500,39
    +291,61 (+1,20%)
     
  • NIKKEI

    30.183,96
    -56,10 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.815,00
    -379,75 (-2,50%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3546
    +0,0478 (+0,76%)
     

Maior ponte para ciclistas impressa em 3D do mundo é inaugurada na Holanda

·2 minuto de leitura

Pesquisadores da Universidade de Tecnologia de Eindhoven, na Holanda, construíram a maior ponte para bicicletas fabricada com impressoras 3D do mundo. A estrutura de concreto, projetada pelo arquiteto Michiel Van der Kley, possui 29 metros de comprimento e fica na cidade de Nijmegen, a 120 km de Amsterdã.

A ponte foi impressa camada por camada em uma gráfica especializada em concreto da empresa Saint Gobain Weber Beamix. Para facilitar a montagem de toda a estrutura, ela foi dividida em várias partes imprimíveis que foram depois reunidas em um projeto final, utilizando um modelo paramétrico baseado em dados.

“Acreditamos que esta forma de fabricação garantirá que empreiteiros, engenheiros estruturais e projetistas tenham uma função diferente no futuro. Os designs arquitetônicos se tornarão vivos e mais flexíveis, capazes de se adaptarem às circunstâncias de cada projeto”, afirma o Van der Kley.

Instalação da ponte impressa em 3D (Imagem: Reprodução/TUE)
Instalação da ponte impressa em 3D (Imagem: Reprodução/TUE)

Menos tempo

Pontes e outras estruturas impressas em 3D levam menos tempo para serem construídas porque usam modelos gerados automaticamente com base em parâmetros como dimensões, espessura do material e geometria. Além disso, esse sistema reduz a utilização de concreto em cerca de 30% em comparação com métodos tradicionais de construção.

A ponte foi impressa camada por camada na gráfica de concreto (Imagem: Reprodução/TUE)
A ponte foi impressa camada por camada na gráfica de concreto (Imagem: Reprodução/TUE)

Como não é preciso usar nenhum dispositivo para sustentar e moldar o concreto até que esteja solidificado, os especialistas estimam que a redução do desperdício de material de construção, como estruturas de madeira e metal, seja de até 60%, tornando todo o projeto muito mais eficiente e sustentável.

“ A impressora só despeja concreto onde é necessário para a resistência estrutural de todo o conjunto. Você pode dar a todas as colunas de uma ponte ou viaduto uma forma diferente, fazendo com que o robô de impressão varie infinitamente de acordo com as informações de cada projeto”, acrescenta Van der Kley.

Holanda 3D

Nijmegen não é única cidade holandesa a ter uma ponte fabricada com tecnologia tridimensional. Em Amsterdã, uma passarela com 12 metros de comprimento possui uma estrutura de metal construída com impressoras 3D. A peça futurista foi instalada sobre o canal Oudezijds Achterburgwal no Red Light District, região central da metrópole.

O projeto desenvolvido por pesquisadores da Imperial College London, na Inglaterra, usa sensores e gêmeos digitais para monitorar o comportamento de toda a estrutura com o tráfego intenso de pedestres. O objetivo é coletar dados de desgaste e dilatações para aplicar o conhecimento em futuras obras de infraestrutura impressas em 3D.

As informações adquiridas ficarão disponíveis para outros pesquisadores e engenheiros, inclusive de outros países, que queiram aproveitar essa tecnologia 3D para construir pontes, passarelas e viadutos, acelerando todos os processos de fabricação e reduzindo o impacto ambiental.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos