Mercado abrirá em 2 h 51 min

Maior plataforma de skins de CS:GO é hackeada; perda é de R$ 8 milhões

Pessoas assistem ao campeonato de Counter Strike: Global Offensive (Agencja Gazeta/Grzegorz Celejewski via  REUTERS)
Pessoas assistem ao campeonato de Counter Strike: Global Offensive (Agencja Gazeta/Grzegorz Celejewski via REUTERS)
  • Foram roubados itens que realizam alterações estéticas no jogo;

  • Skins de Counter Strike mais raras podem chegar ao preço de dezenas de milhares de reais;

  • Plataforma está temporariamente indisponível enquanto realiza reparos.

Uma das maiores plataformas de comércio de 'skins', alterações cosméticas em itens dentro do jogo que não afetam a jogabilidade, de Counter Strike: Global Offensive foi hackeada neste sábado, 13 de agosto.

De acordo com Arrow, um especialista nesse tipo de mercadoria, um valor total US$ 1,6 milhão de dólares (aproximadamente R$ 8 milhões) em produtos, como facas e skins raras, foram roubados do site CSmoney.

“Este é o maior hack de site que já vimos”, afirmou Arrow.

O especialista está ajudando a desvendar o caso, indo atrás do paradeiro dos itens digitais. De acordo com Arrow, já foi possível identificar algumas contas dos suspeitos na Steam, plataforma de jogos digitais que funciona tanto como uma loja oficial, rede social e marketplace.

“Encontramos mais de 30 contas vinculadas aos hackers (há mais que não encontramos) – suspeito que os hackers enviaram skins para traders de alto nível como uma distração", disse ele, destacando que algumas pessoas da cena com boa reputação teriam recebido os proventos do ataque como forma de despistar as autoridades.

CSmoney e comunicado oficial

Após o ataque, a plataforma de comercialização de skins atacada, CSmoney, saiu do ar. Em seu site, no lugar da inicial página normal, há uma nota oficial dos gerenciadores do marketplace afirmando que ficarão temporariamente indisponíveis enquanto trabalham para resolver o problema e restaurar as funcionalidades do site.

A Valve, empresa criadora do Counter Strike: Global Offensive e da Steam, é conhecida por ter uma atitude fria e distante em problemas que ocorrem longe de sua plataforma oficial e por não gostar muito de sites de terceiros. Por conta disso, ainda não está certo se a empresa pretende intervir e devolver os itens de volta ao CSmoney.