Mercado fechado
  • BOVESPA

    101.866,74
    -947,29 (-0,92%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.612,11
    -184,19 (-0,37%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,80
    -3,15 (-4,50%)
     
  • OURO

    1.774,20
    -11,00 (-0,62%)
     
  • BTC-USD

    57.632,85
    -712,53 (-1,22%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.470,69
    +27,92 (+1,93%)
     
  • S&P500

    4.567,00
    -88,27 (-1,90%)
     
  • DOW JONES

    34.483,72
    -652,22 (-1,86%)
     
  • FTSE

    7.059,45
    -50,50 (-0,71%)
     
  • HANG SENG

    23.475,26
    -376,98 (-1,58%)
     
  • NIKKEI

    27.821,76
    -462,16 (-1,63%)
     
  • NASDAQ

    16.210,75
    -180,00 (-1,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3597
    +0,0305 (+0,48%)
     

Maior corretora de bitcoin dos EUA quer contratar brasileiros

·2 min de leitura
Símbolo da corretora Coinbase em meio a Bitcoins
Símbolo da corretora Coinbase em meio a Bitcoins

A Coinbase no Brasil está com quatro vagas em aberto para analistas de transações de criptomoedas, mostrando que atuará firme contra fraudes.

Ao todo, são 12 vagas de trabalho abertas pela Coinbase só no Brasil, mostrando que há a intenção de criar uma plataforma robusta no país, com engenheiros, recrutadores, entre outros. Todas as vagas da corretora no país são remotas, não estando claro ainda se haverá algum escritório fixo em algum local.

A Coinbase já atua em vários países, com sua sede sendo nos Estados Unidos, onde é a maior corretora local. Em 2021, essa empresa acabou sendo a primeira exchange de criptomoedas a ser listada em bolsa de valores, com ações disponíveis na Nasdaq.

Coinbase espera recrutar quatro analistas de transações de criptomoedas no Brasil

A maior corretora de Bitcoin dos Estados Unidos, Coinbase, já abriu várias vagas no Brasil para várias posições. Mas uma vaga aberta recentemente chamou a atenção pela característica do que é exigido aos candidatos.

Segundo a Coinbase, que abriu quatro posições para o setor de risco e fraudes, é importante que os interessados tenham experiência minima de 1 ano no combate a fraudes bancárias. Além disso, a corretora pede que os interessados tenham “paixão pelo combate a fraudes”, exercendo sua profissão que exige ainda fluência em Inglês e Português.

“O objetivo da equipe de Risco de Pagamentos é evitar transações arriscadas com alta precisão, garantindo também uma ótima experiência do usuário. Como analista, você gastará seu tempo examinando as transações e criando um monitoramento eficaz para detecção e prevenção de fraudes em um de nossos trilhos de pagamento essenciais.”

Vagas de risco de pagamentos abertas pela Coinbase no Brasil
Vagas de risco de pagamentos abertas pela Coinbase no Brasil

As vagas para a equipe de análise das transações de criptomoedas no Brasil são para trabalhar com o Coinbase Card (CB Card), Operações, Vendedores e até PayPal, outro meio de pagamento integrado a corretora.

Todos os interessados em participar de investigações de transações com criptomoedas para a Coinbase devem ter formação de nível superior, experiência com GitHub, Tableau, ferramentas de análises de dados, entre outras mais.

A chegada da Coinbase no Brasil ainda não foi formalmente anunciada pela grande corretora, mas com as contratações pontuais mostra que deve acontecer em breve.

Assim, as corretoras brasileiras ganharão mais uma concorrente de peso, que chega para fazer frente a liderança de volume da Binance Brasil, que há meses é a responsável pelas maiores movimentações de criptomoedas no país e região.

A Coinbase também está buscando atuar na Índia, Canadá, Cingapura, Japão, Irlanda, Filipinas e Europa, crescendo mundialmente sua operação, que conta com várias criptomoedas listadas.

Fonte: Livecoins

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos