Mercado fechará em 9 mins
  • BOVESPA

    100.518,73
    -741,02 (-0,73%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    38.213,03
    -494,69 (-1,28%)
     
  • PETROLEO CRU

    38,59
    -1,26 (-3,16%)
     
  • OURO

    1.905,10
    -0,10 (-0,01%)
     
  • BTC-USD

    12.967,38
    -182,64 (-1,39%)
     
  • CMC Crypto 200

    258,34
    -5,07 (-1,92%)
     
  • S&P500

    3.388,54
    -76,85 (-2,22%)
     
  • DOW JONES

    27.563,78
    -771,79 (-2,72%)
     
  • FTSE

    5.792,01
    -68,27 (-1,16%)
     
  • HANG SENG

    24.918,78
    +132,68 (+0,54%)
     
  • NIKKEI

    23.494,34
    -22,25 (-0,09%)
     
  • NASDAQ

    11.444,75
    -218,75 (-1,88%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6437
    -0,0202 (-0,30%)
     

Sob efeito de maconha, deficiente físico dirige carro sem adaptação, causa três acidentes e atropela mulher em BH

·1 minuto de leitura
Vista da Praça Sete de setembro em Belo Horizonte - Foto: Getty Images
Vista da Praça Sete de setembro em Belo Horizonte - Foto: Getty Images

A Polícia Militar de Minas Gerais prendeu um homem sem a perna e o braço esquerdos na tarde desta terça-feira (13) em Belo Horizonte por dirigir um carro sem adaptação necessária. Para piorar, o detido apresentava sinais de consumo de maconha, indicando alteração psicomotora. As informações são do Estado de Minas.

De acordo com a PM, o homem provocou acidentes em sequência no centro da capital mineira. Primeiro, o carro que ele dirigia bateu na traseira de outro veículo.

Leia também

Posteriormente, o homem ainda acertou outros dois veículos. Para finalizar o quadro caótico, ele ainda atropelou uma mulher que atravessava a rua. Ela sofreu apenas escoriações leves, foi atendida prontamente e passa bem.

De acordo com o Estado de Minas, após ser detido pela polícia, o carro do detido foi revistado e lá foi encontrada uma porção de maconha. O veículo foi removido ao pátio do Departamento de Trânsito (Detran).

O detido foi levado à delegacia do Detran e, contra ele, a PM emitiu três autos de infração: por causar acidente e não prestar apoio às vítimas, por conduzir sob efeito de drogas e, pelo suspeito ser deficiente, por conduzir carro sem adaptação necessária e sem carteira de habilitação.