Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.647,99
    +1.462,52 (+1,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.798,38
    +658,14 (+1,26%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,66
    +1,35 (+1,66%)
     
  • OURO

    1.768,10
    -29,80 (-1,66%)
     
  • BTC-USD

    61.134,70
    -395,05 (-0,64%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.464,06
    +57,32 (+4,07%)
     
  • S&P500

    4.471,37
    +33,11 (+0,75%)
     
  • DOW JONES

    35.294,76
    +382,20 (+1,09%)
     
  • FTSE

    7.234,03
    +26,32 (+0,37%)
     
  • HANG SENG

    25.330,96
    +368,37 (+1,48%)
     
  • NIKKEI

    29.068,63
    +517,70 (+1,81%)
     
  • NASDAQ

    15.144,25
    +107,00 (+0,71%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3297
    -0,0741 (-1,16%)
     

MacBook Pro, Mac Mini e mais: o que esperar do evento da Apple em outubro

·7 minuto de leitura

Por conta da pandemia de covid-19 a Apple precisou atrasar seus eventos de fim de ano em um mês no ano passado, com o anúncio do iPhone 12 acontecendo em outubro e novos Macs apresentados apenas em novembro. Este ano, entretanto, a Apple retornou com seu evento para iPhones em setembro e um evento dedicado para Macs com a nova geração do chip Silicon é esperado em outubro.

Rumores de informantes confiáveis, como o jornalista Mark Gurman do Bloomberg, seguem indicando que a Apple realizará um novo evento especial em outubro após seu evento de setembro onde apresentou os novos iPhone 13, iPads e Apple Watch Series 7.

Tal evento de outubro seria dedicado para apresentar o sucessor do chip Apple M1 e introduzir novos Macs redesenhados, além de oficializar o macOS Monterey e talvez apresentar mais alguns acessórios muito aguardados.

Quando acontece o evento da Apple?

(Imagem: Reprodução/Apple)
(Imagem: Reprodução/Apple)

Vazamentos recentes indicam que a fabricante possa realizar sua apresentação em formato digital e sem público presencial durante a última semana do mês, mais precisamente no dia 28 de outubro. Caso seja verdade, a marca deve anunciar o evento uma semana antes, no dia 21 de outubro.

Até o momento a Apple não confirmou a data e horário do evento de outubro de 2021, mas confira abaixo o que podemos esperar do evento da Apple para o fim deste mês.

A segunda geração do Apple Silicon

(Imagem: Reprodução/Apple)
(Imagem: Reprodução/Apple)

A principal razão do evento acontecer será o anúncio do sucessor do surpreendente Apple M1, processador projetado pela própria Apple em arquitetura ARM — mesma encontrada em iPhones e iPads — que define o fim da dependência da empresa com a Intel, que ainda fabrica seus principais processadores em arquitetura x86.

Esperado com nome de M1X — mas também podendo ser chamado de M1Z ou ainda M2 — a segunda geração do Apple Silicon deve apostar em processamento gráfico, algo que não foi a prioridade do M1.

(Imagem: Reprodução/Apple)
(Imagem: Reprodução/Apple)

Com sua arquitetura de memória unificada, a Apple reúne CPU, GPU, Neural Engine, DRAM, Fabric e Cache em uma única plataforma de alta densidade para grande largura de banda, baixa latência e enorme eficiência.

O novo chip contaria então com GPU de 16 e 32 núcleos com desempenho similar à poderosa RTX 3070 e CPU de 10 núcleos, representando um grande salto em relação ao M1 com seus 8 núcleos de CPU e até 8 núcleos de GPU.

Apple M1 possui 8 núcleos de CPU e GPU (Imagem: Reprodução/Apple)
Apple M1 possui 8 núcleos de CPU e GPU (Imagem: Reprodução/Apple)

A opção de 16 núcleos teria baixo consumo de energia de aproximadamente 20 W e performance estimada superior a 110 FPS no teste Aztec 1440p do GFXBench 5.0, enquanto a opção de 32 núcleos teria 40 W de consumo e performance estimada superior a 170 FPS.

Para efeito de comparação, uma placa gráfica Radeon Pro 5500M da AMD tem consumo de 83 W e atinge 94,8 FPS no mesmo teste, enquanto a ainda mais poderosa GPU RTX 3070 da Nvidia tem consumo de 93 W e atinge 171,3 FPS.

As estimativas feitas por Dave Lee do canal Dave2D indicam que a Apple conseguirá resultados próximos ou ainda maiores enquanto oferece consumo de energia inferior.

MacBook Pro redesenhado com Mini LED

(Imagem: Reprodução/Apple)
(Imagem: Reprodução/Apple)

Um dos principais produtos apresentados no evento deverá ser a nova geração do MacBook Pro. Com modelos de 14 e 16 polegadas, o notebook é aguardado grandes mudanças no design para ficar alinhado à nova identidade visual da Apple, incluindo corpo com linhas mais retas semelhante ao iPhone, iPad Pro e iMac.

A tela do novo MacBook Pro é esperada com tecnologia Mini LED presente no iPad Pro de 12,9 polegadas, o que garante desempenho próximo do OLED graças às zonas de escurecimento local, resultando em pretos profundos, alto contraste e cores ricas, além de altíssimo brilho para excelente HDR.

Conceito imagina MacBook Pro (2021) com base em esquemas vazados (Imagem: Reprodução/AppleyPro)
Conceito imagina MacBook Pro (2021) com base em esquemas vazados (Imagem: Reprodução/AppleyPro)

Rumores indicam que o MacBook Pro chegará com maior conectividade, incluindo não apenas portas USB-C como também uma entrada MagSafe dedicada para carregamento magnético mais veloz, saída HDMI e leitor para cartões de memória.

Após anos incluindo a tão controversa Touch Bar, a Apple deve dar fim ao recurso e retornar com o uso das tradicionais teclas físicas de função no teclado, algo pedido por vários usuários que nunca acharam real utilidade na tela sensível ao toque.

Mac Mini mais compacto e poderoso

(Imagem: Reprodução/Apple)
(Imagem: Reprodução/Apple)

Enquanto existem fortes indícios a respeito do anúncio do MacBook Pro com M1X este ano, outros produtos da linha não possuem tantas garantias de anúncio, incluindo o futuro Mac Mini.

Apesar do dispositivo ter sido revelado há meses pelo vazador Jon Prosser e ter aparecido em esquemas reforçando seu novo design, não está claro se a Apple pretende atualizá-lo um ano após o anúncio do Mac Mini com M1, sendo necessário mais informações antes que possamos cravar com maior certeza a apresentação do novo dispositivo.

Próximo Mac Mini pode fazer ainda mais jus ao seu nome (Imagem: Jon Prosser/Ian Zelbo)
Próximo Mac Mini pode fazer ainda mais jus ao seu nome (Imagem: Jon Prosser/Ian Zelbo)

De qualquer forma, reunindo tudo que foi vazado até o momento, sabemos que o novo Mac Mini está em desenvolvimento pela Apple com corpo ainda mais compacto que o modelo atual e grande quantidade de portas (conector MagSafe, quatro USB-C, duas USB-A, porta ethernet e HDMI).

Seu corpo seria menor em todas as dimensões e contaria com acabamento de vidro na tampa superior, tendo laterais de alumínio. Tal composição sugere que a Apple planeja variações de cores para o Mac Mini, algo já visto no iPad Air, iMac e outros produtos.

Data de lançamento do macOS Monterey

(Imagem: Reprodução/Apple)
(Imagem: Reprodução/Apple)

Com o evento de anúncio do iPhone 13, novos iPads e Apple Watch em setembro, a Apple liberou as versões finais do iOS 15, iPadOS 15 e watchOS 8 aos usuários, e a mesma lógica deve ser aplicada em outubro com o evento para Macs representando o lançamento do macOS 12 Monterey.

Anunciado durante a WWDC21, o novo sistema operacional apresenta novidades como Atalhos, Safari totalmente renovado com abas agrupáveis, SharePlay, Focus e Notas integradas ao iPhone e iPad, além do aguardado Universal Control, permitindo controlar e transferir arquivos entre Mac, MacBook e iPad.

AirPods de terceira geração: e lá vamos nós...

(Imagem: Reprodução/Apple)
(Imagem: Reprodução/Apple)

O primeiro rumor a respeito do novo AirPods de terceira geração surgiu em fevereiro de 2020 e perdura até os dias de hoje, quase um ano e meio depois. O modelo teve seu design revelado pela primeira vez em março deste ano confirmando a herança do AirPods Pro.

Muitos vazamentos previram o "lançamento iminente" a cada semestre desde o início do ano passado. O AirPods 3 era esperado para ser anunciado durante o evento da Apple no início de 2020, depois durante os eventos de fim de ano de 2020, depois no início de 2021 e mais recentemente com o anúncio do iPhone 13 em setembro. Como você pode imaginar, nenhuma das expectativas de anúncio foi atendida.

Nesse meio tempo várias informações foram reveladas a respeito do design do acessório, reforçando cada vez mais seu formato praticamente idêntico ao AirPods Pro, incluindo novo estojo de carregamento e fones com hastes curtas, sensor de proximidade e mesmo sistema de entrada e saída de ar para equalizar a pressão.

AirPods 3 terá design semelhante ao AirPods Pro, mas sem pontas de silicone (Foto: Reprodução/52audio)
AirPods 3 terá design semelhante ao AirPods Pro, mas sem pontas de silicone (Foto: Reprodução/52audio)

A grande diferença visual entre o AirPods Pro e o futuro AirPods de terceira geração ficará para as pontas de silicone presentes exclusivamente no modelo mais caro, identificando facilmente qual modelo é qual. Mas ainda não existe garantia sobre seu lançamento.

Rumores apontam novamente que o modelo pode ser revelado até dezembro deste ano, dando margem para um anúncio durante o evento de outubro. Caso a Apple não apresente o AirPods 3 este mês, um anúncio isolado semelhante ao AirPods Pro e AirPods Max pode acontecer nos meses seguintes.

Enquanto isso, vazamentos já indicam o lançamento de novos AirPods Pro com sensor de atividades físicas em 2022.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos