Mercado fechado

Méliuz eleva prejuízo em seis vezes no 3º tri

SÃO PAULO (Reuters) - A Méliuz teve prejuízo líquido de 18 milhões de reais no terceiro trimestre, aumento de cerca de seis vezes em relação ao desempenho negativo de um ano antes, embora a receita tenha avançado mais de 60% no período, segundo balanço divulgado nesta terça-feira.

A companhia que presta serviços de cashback e fidelização de clientes apurou um forte avanço nas despesas operacionais, que dobraram entre os períodos para 142,8 milhões de reais, catapultadas em parte pela linha de pessoal.

A receita somou 97,8 milhões de reais de julho ao final de setembro, puxadas pelo shopping, que ampliou o faturamento em 52%.

As vendas brutas medidas pelo conceito GMV avançaram 11%, para 1,29 bilhão de reais, e o take rate avançou de 6,2% para 6,4%.

A empresa apurou crescimento de 30% nas contas totais, para 27 milhões, enquanto na frente financeira as transações somaram 731,7 milhões de reais, recuo de 20%.

O presidente-executivo, Israel Fernandes Salmen, afirmou no balanço que espera ter uma resposta sobre estudos de viabilidade de separação da unidade financeira Bankly "em dois a três meses". A unidade teve prejuízo líquido de 6,4 milhões de reais de julho a setembro e Ebitda negativo de 15,6 milhões.

A Méliuz terminou setembro com 486,6 milhões de reais em caixa, queda de 18% na comparação anual.

(Por Aluísio Alves)