Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,69 (-0,69%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,56 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,95
    +0,65 (+0,89%)
     
  • OURO

    1.750,60
    +0,80 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    42.668,88
    +506,40 (+1,20%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.067,20
    -35,86 (-3,25%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,18 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    -26,87 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    24.192,16
    -318,82 (-1,30%)
     
  • NIKKEI

    30.248,81
    +609,41 (+2,06%)
     
  • NASDAQ

    15.319,00
    +15,50 (+0,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2556
    +0,0306 (+0,49%)
     

Mãe de novo ministro de Bolsonaro assume vaga do filho no Senado

·2 minuto de leitura

BRASÍLIA - Mãe do novo ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, a empresária Eliane Nogueira (PP-PI) assumiu nesta quarta-feira a vaga do filho no Senado, em cerimônia fechada. Eliane disputou a última eleição como primeira suplente na chapa de Ciro, tornando-se assim a eventual substituta do parlamentar em caso de afastamento.

Após a posse, Eliane contou que ficou "inicialmente espantada" ao ser convidada para ser suplente do filho, na eleição de 2018. Na época, ela não tinha experiência política e nunca havia disputado um cargo público.

"Lembro como se fosse ontem do dia em que fui escolhida para ser a primeira suplente de meu filho na chapa que concorreria ao Senado. Apesar de inicialmente espantada, reforcei que estou à disposição para fazer o melhor pelo povo do meu estado. É com esse sentimento que assumo hoje oficialmente o posto de senadora da República pelo estado do Piauí", disse Eliane em uma rede social.

Na mesma publicação, a nova senadora declarou que "é uma grande honra e responsabilidade continuar o trabalho que vem sendo realizado até aqui". "Tenham certeza de que o amor pelo nosso estado e a dedicação ao nosso povo, sobretudo os menos favoridos, irão nortear a minha atuação", acrescentou.

Ao registrar sua candidatura no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em 2018, Eliane disse trabalhar como administradora e declarou um patrimônio de R$ 3,6 milhões. A maior parte do patrimônio vem de uma empresa da qual ela é sócia ao lado do filho e de outras pessoas.

Em nota divulgada pela assessoria de Ciro Nogueira sobre a posse, consta que Eliane "atuava como gestora das empresas fundadas pela família, tendo desenvolvido no dia a dia dessas companhias sua experiência em administração".

"Após a morte do marido, em março de 2013, voltou-se ainda mais à atividade empresarial, mas com recorrente participação na atividade política. Foi eleita 1º suplente na chapa do senador Ciro Nogueira nas eleições de 2018", afirma trecho do texto.

Na cerimônia reservada, estiveram presentes o novo ministro Ciro Nogueira, alguns servidores, amigos e familiares de Eliane. Como segundo secretário da Mesa Diretora, o senador Elmano Ferrer (PP-PI) foi responsável por conduzir o ato.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos