Mercado fechado
  • BOVESPA

    118.328,99
    -1.317,01 (-1,10%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.810,21
    -315,49 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    53,02
    -0,11 (-0,21%)
     
  • OURO

    1.868,60
    +2,70 (+0,14%)
     
  • BTC-USD

    29.556,73
    -1.124,94 (-3,67%)
     
  • CMC Crypto 200

    578,69
    -101,22 (-14,89%)
     
  • S&P500

    3.853,07
    +1,22 (+0,03%)
     
  • DOW JONES

    31.176,01
    -12,39 (-0,04%)
     
  • FTSE

    6.715,42
    -24,97 (-0,37%)
     
  • HANG SENG

    29.927,76
    -34,74 (-0,12%)
     
  • NIKKEI

    28.593,98
    -162,88 (-0,57%)
     
  • NASDAQ

    13.387,75
    -7,75 (-0,06%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5121
    +0,0037 (+0,06%)
     

LVMH aumenta oferta para adquirir Tiffany em mais de um bilhão de dólares

O grupo de luxo francês LVMH aumentou sua oferta para adquirir as joalherias americanas Tiffany em mais de um bilhão de dólares

O grupo de luxo francês LVMH aumentou sua oferta para adquirir as joalherias americanas Tiffany em mais de um bilhão de dólares, disseram duas fontes próximas ao assunto à AFP nesta quarta-feira.

O LVMH, proprietário da Louis Vuitton, Dior e Moet & Chandon aumentou sua oferta pela empresa sediada em Nova York de US$ 120 para cerca de US$ 130 por ação, disseram as fontes.

A medida eleva o valor total da Tiffany de US$ 14,5 bilhões para cerca de US$ 16 bilhões.

Nem o LVMH nem a Tiffany responderam imediatamente a um pedido de comentário.

O LVMH, liderado pelo bilionário Bernard Arnault, procurou adquirir a Tiffany como um meio de aumentar sua presença no mercado americano.

A transação também foi vista como um bom caminho para a Tiffany, que não alcançou alguns concorrentes em termos de crescimento de vendas nos últimos anos.