Mercado fechado
  • BOVESPA

    105.069,69
    +603,45 (+0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.597,29
    -330,09 (-0,65%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,22
    -0,28 (-0,42%)
     
  • OURO

    1.782,10
    +21,40 (+1,22%)
     
  • BTC-USD

    48.867,48
    -3.966,90 (-7,51%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.367,14
    -74,62 (-5,18%)
     
  • S&P500

    4.538,43
    -38,67 (-0,84%)
     
  • DOW JONES

    34.580,08
    -59,71 (-0,17%)
     
  • FTSE

    7.122,32
    -6,89 (-0,10%)
     
  • HANG SENG

    23.766,69
    -22,24 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    28.029,57
    +276,20 (+1,00%)
     
  • NASDAQ

    15.687,50
    -301,00 (-1,88%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3953
    +0,0151 (+0,24%)
     

Luna sobe com força e alcança o alvo

·2 min de leitura

Depois de ficar quase dois meses andando de lado, a criptomoeda Luna começou a subir. Entre o dia 20 de julho e 11 de setembro a moeda digital chegou a se valorizar mais de 650%, porém, desde então não vinha mais mostrando a mesma força.

No entanto, a movimentação que o ativo fez antes do dia 11 tem como terceiro alvo justamente a região de preços que a crypto alcançou hoje.

Depois que o ativo fez a forte movimentação de alta e fez uma pequena correção, voltou a subir e acionou um pivô de alta. Os alvos deste pivô foram mostrados no gráfico.

Antes de acionar o pivô, o ativo também fez um movimento de reversão, conhecido como “falha na perda do fundo”. Fazendo a projeção deste movimento, também se observa que o terceiro alvo é projetado na mesma região de preços em que o ativo se encontra agora.

Na sequência a crypto subiu e alcançou o primeiro alvo projetado pelo pivô e pelo padrão de reversão. No entanto, voltou a cair e recuou até a retração de 50% de todo o movimento de alta que fez desde julho.

Após voltar a subir, o ativo acionou um novo pivô de alta. O que é surpreendente, no entanto, é o fato de que fazendo a projeção do movimento de retração deste pivô, temos como terceiro alvo a mesma região de preços.

Lei da atração!

Com tantos movimentos tendo como o terceiro alvo a mesma região de preços, existe uma espécie de imã que atrai o preço para aquela região.

Hoje, finalmente, a crypto alcançou este alvo, realizando o movimento de alta que já era esperado desde o final de agosto.

Entretanto, apesar de o ativo estar em forte tendência de alta, é possível que agora que esta região de alvos foi alcançada, a crypto faça um novo movimento de correção. Isto se deve, pois esta região de preços se comporta como uma resistência, visto que existe uma zona de confluência onde três alvos se encontram.

Claro que seria muita audácia dizer que o ativo já iniciará um movimento de correção amanhã. Mas, de qualquer forma, assim que um topo for formado, é conveniente que as retrações de Fibonacci sejam traçadas, para entender até onde a queda pode ir.

This article was originally posted on FX Empire

More From FXEMPIRE:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos