Mercado abrirá em 3 h 20 min
  • BOVESPA

    102.814,03
    +589,77 (+0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.796,30
    +303,78 (+0,61%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,80
    -1,15 (-1,64%)
     
  • OURO

    1.795,70
    +10,50 (+0,59%)
     
  • BTC-USD

    56.620,34
    -765,09 (-1,33%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.430,37
    +1,44 (+0,10%)
     
  • S&P500

    4.655,27
    +60,65 (+1,32%)
     
  • DOW JONES

    35.135,94
    +236,60 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.037,81
    -72,14 (-1,01%)
     
  • HANG SENG

    23.475,26
    -376,98 (-1,58%)
     
  • NIKKEI

    27.821,76
    -462,16 (-1,63%)
     
  • NASDAQ

    16.331,00
    -59,75 (-0,36%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3506
    +0,0214 (+0,34%)
     

Lucro da CSN recua na base trimestral por efeito do segmento de mineração

·2 min de leitura

(Reuters) - A CSN registrou lucro líquido de 1,325 bilhão de reais no terceiro trimestre, crescimento de 5% frente ao mesmo período do ano passado, mas queda de 76% em relação aos três meses anteriores, de acordo com dados divulgados pela companhia no final da quarta-feira.

A companhia atrelou o declínio na base sequencial à piora do desempenho operacional, especialmente no segmento de mineração, além do impacto das despesas financeiras e da maior provisão para imposto de renda no período.

O resultado operacional medido pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado somou 4,296 bilhões de reais, alta de 23% ano a ano, mas queda de 47% na comparação trimestral.

De acordo com a CSN, o segmento de mineração, além de ter observado um menor volume de vendas em razão da estratégia comercial realizada no período, ainda teve um impacto importante do preço realizado e do aumento do custo de frete.

A CSN destacou, contudo, o efeito não recorrente das reversões de provisão de receita, além das cargas não vendidas que devem impactar positivamente o resultado do último trimestre do ano. Também afirmou que as dinâmicas de preço e de frete já se mostram mais positivas quando se analisa os preços futuros.

A margem Ebitda ficou em 40,6%, de 39% um ano antes e 53,1% no segundo trimestre.

A receita líquida cresceu 18% ano a ano, para 10,246 bilhões de reais, mas caiu 33% na base sequencial. Em volumes, as vendas de aço caíram 23% tanto na comparação anual como trimestral, enquanto as vendas de minério encolheram 11% e 10%, respectivamente.

A dívida líquida ajustada no final do terceiro trimestre somou 14,775 bilhões de reais, queda de 52% ante o mesmo período do ano passado, mas subiu 12% frente ao segundo trimestre. A relação dívida líquida/Ebitda ajustado ficou em 0,64 vez, de 3,67 vezes um ano antes e 0,6 vez no trimestre anterior.

O fluxo de caixa ajustado alcançou 4,023 bilhões de reais.

PROJEÇÕES

A CSN e a sua controlada CSN Mineração também atualizaram projeções para este ano, quando esperam atingir 560 milhões de reais em investimentos (capex) para a expansão na mineração e produzir um volume total de minério de ferro mais compras de terceiros entre 36 milhões e 37 milhões de toneladas.

As empresas também projetam atingir custo C1 de produção de minério de aproximadamente 19 dólares por tonelada no fechamento do balanço anual de 2021.

(Por Paula Arend Laier)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos