Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,74 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,26
    +3,11 (+4,56%)
     
  • OURO

    1.797,50
    +9,40 (+0,53%)
     
  • BTC-USD

    57.377,17
    +2.612,40 (+4,77%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.365,60
    -89,81 (-6,17%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,06 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.044,03
    -266,34 (-3,64%)
     
  • HANG SENG

    24.080,52
    -659,68 (-2,67%)
     
  • NIKKEI

    28.751,62
    -747,68 (-2,53%)
     
  • NASDAQ

    16.164,75
    +113,75 (+0,71%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3051
    -0,0434 (-0,68%)
     

Lucas relembra tempos de São Paulo e se declara: 'Clube do meu coração'

·2 min de leitura


O meia-atacante Lucas, hoje no Tottenham-ING, relembrou seus tempos de São Paulo, onde foi revelado e jogou de 2010 a 2012, conquistando o título da Copa Sul-Americana de 2012 contra o Tigre-ARG.

Em entrevista ao 'The Players Tribune', o jogador de 29 anos falou com carinho do Tricolor e seu desejo de conquistar um título antes de se transferir ao futebol europeu.

- Falei para o PSG que viajaria para a França no fim de 2012. Eu precisava de mais cinco meses para conquistar um título. Claro que a recompensa financeira para o clube era importante, mas o quanto o torcedor se importa com melhorias no centro de treinamento que poderiam ser feitas com o dinheiro da minha negociação? O que eles realmente querem ver são títulos, né? Eu estava disposto a fazer de tudo para também merecer o meu espaço nas paredes. Falando sério, eu pensei: Se precisar rasgar o contrato com o PSG para conquistar alguma coisa aqui, eu vou rasgar' - afirmou Lucas.

Na final da competição, o ex-camisa sete marcou o primeiro gol da vitória por 2 a 0 sobre o Tigre-ARG, em jogo que ficou marcado por ter sido disputado apenas o primeiro tempo. Cria da base do clube, o jogador disputou 128 jogos pelo Tricolor e anotou 33 gols. Ele se declarou ao São Paulo.

- Você precisa entender o quanto esse clube é importante para mim. Fico arrepiado só de pensar nisso. Basicamente, eu fui criado dentro das categorias de base. Fiz amigos que considero meus irmãos. Ainda fico acordado até tarde na Inglaterra para ver o São Paulo jogar. É o clube do meu coração, é o clube da minha vida. Levo comigo aonde vou - afirmou o jogador, que tem contrato com o Tottenham-ING até junho de 2024.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos