Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.647,99
    +1.462,52 (+1,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.798,38
    +658,14 (+1,26%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,66
    +1,35 (+1,66%)
     
  • OURO

    1.768,10
    -29,80 (-1,66%)
     
  • BTC-USD

    60.765,81
    -0,18 (-0,00%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.464,06
    +57,32 (+4,07%)
     
  • S&P500

    4.471,37
    +33,11 (+0,75%)
     
  • DOW JONES

    35.294,76
    +382,20 (+1,09%)
     
  • FTSE

    7.234,03
    +26,32 (+0,37%)
     
  • HANG SENG

    25.330,96
    +368,37 (+1,48%)
     
  • NIKKEI

    29.068,63
    +517,70 (+1,81%)
     
  • NASDAQ

    15.144,25
    +107,00 (+0,71%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3297
    -0,0741 (-1,16%)
     

LoL | "Não será a nossa última vez no Worlds", diz Jojo, da RED Canids

·5 minuto de leitura

A RED Canids Kalunga infelizmente deu adeus ao Mundial de League of Legends nesta sexta-feira (8). Logo após a série contra a PEACE, a qual perdeu de 3 a 2, o Canaltech pôde conversar um pouco com o suporte do time brasileiro Gabriel "Jojo" Dzelme sobre a série e a participação da matilha no Worlds 2021.

Essa não foi a primeira vez que a RED Canids enfrentou a PEACE na competição, tendo jogado contra a equipe da Oceania no dia anterior (7). Conversamos sobre como foi a preparação do time para a série, já que, de acordo com Alexandre "Titan" Lima, atirador da equipe, eles usaram a partida para entender o adversário. "Basicamente, ontem depois que acabou o jogo, nós começamos a assistir os jogos e para quem no time eles alocavam recursos. Nós ficamos muito tempo vendo isso e eu acho que nós tínhamos um bom plano pra hoje, só não conseguimos executar", disse Jojo.

Na série, apesar de ter tomado proporções dramáticas no último jogo do dia, a RED Canids buscou uma forma de virar a chave e avançar na competição. Uma das principais dúvidas tanto da mesa de análise do CBLOL quanto de quem assistiu a partida, foi a escolha de colocar Guilherme "Guigo" Ruiz com o campeão Kennen, algo diferente do estilo de jogo do toplaner.

Guigo é conhecido por jogar com campeões lutadores, então perguntamos sobre a situação à Jojo: "A gente vê o Kennen como uma das escolhas mais fortes do Top no momento. Ele faz tudo muito bem, consegue pressionar bastante outros adversários e participa muito bem das lutas em grupo". Para ele, o personagem foi uma escolha confortável para a equipe, mas que não deu tanto certo nos primeiros jogos, obrigando o grupo brasileiro a se adaptar no meio da série.

Imagem: Reprodução/Riot Games
Imagem: Reprodução/Riot Games

Outra situação que foi muito apontada durante a série foi a força da personagem Leona. Jogada na posição de suporte, a campeã é uma das principais escolhas do momento no Mundial. Ao longo da MD5, a personagem só perdeu no último jogo, que decretou a derrota da equipe brasileira. Com Leona estando tão forte durante o Worlds e na série, questionamos a decisão de não dar prioridade para a suporte nas escolhas de campeão. "Eu acho que talvez nós tenhamos demorado um pouquinho para reconhecer que a escolha de Leona era muito valiosa nessa série, e quando a gente percebeu isso, era tarde demais". Jojo ainda comentou sobre como poderia ter sido melhor pegar a campeã às cegas: "Eles não tinham muita resposta a escolha e provavelmente nós teríamos jogos mais tranquilos."

Durante a quarta partida da série, o jogador Adriano "Avenger" Perassoli entrou no jogo, substituindo Daniel "Grevthar" Xavier. Avenger não participava de uma partida da RED Canids desde as eliminatórias do CBLOL, o que poderia levantar algumas suspeitas para quem estava de fora. Mas, de acordo com Jojo, a presença do jogador da rota do meio foi essencial. "O Avenger entrou para dar uma renovada no clima do time. Nós estávamos meio pra baixo, e como ele estava ali vendo todos os jogos, ele sabia onde a gente estava errando e onde a gente precisava melhorar". O suporte completa falando que a função de melhorar o ritmo da equipe foi cumprida pelo midlaner.

O quinto jogo começou desastroso para os jogadores brasileiros. Em uma tentativa de responder a invasão do time da Oceania à selva dos Lobos, a RED acabou cedendo abates muito cedo, o que acabou causando o efeito bola de neve, quando uma equipe ganha uma vantagem muito grande e não tem como ter uma reversão imediata. Porém, a RED não pareceu se deixar por vencida e buscou tentar reverter a vantagem da PEACE. Segundo Jojo, a composição da equipe poderia ter favorecido essa virada. "A gente sabia que tínhamos uma composição que poderia crescer bem mais que a deles e nos agarramos a isso. Deixamos as coisas saírem um pouquinho do controle e, depois disso, tentamos criar mesmo estando muito atrás." Jojo relata que o time precisou correr contra o relógio, já que eles não teriam tempo para crescer na partida o tanto que eles precisavam.

Imagem: Reprodução/Riot Games
Imagem: Reprodução/Riot Games

No fim, para o suporte, o balanço geral da competição é que a Matilha tinha muito mais para mostrar. "A gente tinha muita confiança de que nós conseguiríamos ir para a Fase de Grupos, não esperávamos por isso e acho que é algo que vai doer por um tempo", desabafou Jojo, que ainda comentou que tem certeza que a Matilha retornará em breve ao Mundial. "Sendo sincero, acho que essa não é a última vez que nós vamos vir para o Worlds. Acho que a gente vai aparecer mais vezes, ou todo mundo como um time ou individualmente. A gente sabe o quanto cada um aqui quer isso, não só estar aqui, como passar para a Fase de Grupos. Então cada um de nós fará o que for preciso para voltar o mais rápido possível."

Com uma vitória e três derrotas, a RED Canids se despede do Mundial após perder para a PEACE na melhor de 5. Agora, para a equipe, só resta aguardar o retorno do CBLOL em 2022. Já a PEACE joga neste sábado (9) contra a Cloud 9, tentando manter vivo o sonho de ir para a Fase de Grupos do Mundial.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos