Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.927,79
    +1.397,79 (+1,32%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    53.744,92
    -185,48 (-0,34%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,27
    +0,45 (+0,54%)
     
  • OURO

    1.817,30
    +0,80 (+0,04%)
     
  • BTC-USD

    42.992,93
    -407,89 (-0,94%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.037,76
    +12,03 (+1,17%)
     
  • S&P500

    4.662,85
    +3,82 (+0,08%)
     
  • DOW JONES

    35.911,81
    -201,79 (-0,56%)
     
  • FTSE

    7.542,95
    -20,90 (-0,28%)
     
  • HANG SENG

    24.383,32
    -46,48 (-0,19%)
     
  • NIKKEI

    28.124,28
    -364,82 (-1,28%)
     
  • NASDAQ

    15.616,75
    +21,00 (+0,13%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3174
    -0,0154 (-0,24%)
     

Liverpool assume a liderança com vitória no último minuto contra o Wolverhampton

·1 min de leitura

Por Andrew Cawthorne

WOLVERHAMPTON, Inglaterra (Reuters) - Divock Origi saiu do banco de reservas para marcar nos acréscimos do segundo tempo e enviar o Liverpool à liderança da Premier League com a vitória por 1 x 0 sobre o Wolverhampton neste sábado.

Origi dominou o cruzamento de Mohamed Salah antes de girar e bater rasteiro para compensar os erros dos seus colegas atacantes que geralmente são letais, mas haviam perdido várias chances.

O resultado levou o Liverpool ao primeiro lugar com 34 pontos em 15 jogos, um acima do Chelsea, que perdeu por 3 x 2 para o West Ham no começo deste sábado.

O Manchester City pode passar à frente de ambos, no entanto, se vencer o Watford ainda neste sábado.

Diogo Jota, do Liverpool, retornou ao seu antigo clube no dia em que completou 25 anos e parecia que marcaria, aos 15 minutos do segundo tempo, após um erro da defesa deixá-lo de frente para o gol, sem goleiro, mas o capitão do Wolverhampton, Conor Coady cortou em cima da linha.

Trent Alexander-Arnold mandou por cima, Jota também cabeceou para fora, Salah teve uma bola cortada quando estava prestes a marcar, Thiago Alcântara teve duas finalizações bloqueadas à queima-roupa e o chute de Sadio Mané foi muito bem defendido pelo goleiro José Sá.

O Wolverhampton ameaçou o Liverpool em contra-ataques e poderia ter aberto o placar, mas Raúl Jiménez mandou por cima do travessão e Adama Traoré chegou um pouco depois do que o goleiro do Liverpool, Alisson. O Wolverhampton é oitavo colocado, com 21 pontos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos