Mercado abrirá em 8 h 32 min
  • BOVESPA

    113.583,01
    +300,34 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.598,53
    +492,82 (+0,96%)
     
  • PETROLEO CRU

    76,11
    +0,66 (+0,87%)
     
  • OURO

    1.749,80
    -2,20 (-0,13%)
     
  • BTC-USD

    42.748,20
    -1.297,13 (-2,94%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.059,17
    -42,34 (-3,84%)
     
  • S&P500

    4.443,11
    -12,37 (-0,28%)
     
  • DOW JONES

    34.869,37
    +71,37 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.063,40
    +11,92 (+0,17%)
     
  • HANG SENG

    24.561,75
    +352,97 (+1,46%)
     
  • NIKKEI

    30.103,97
    -136,09 (-0,45%)
     
  • NASDAQ

    15.155,50
    -39,25 (-0,26%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2932
    -0,0136 (-0,22%)
     

Linha Radeon RX 6000 ganha 17 novos IDs e deve receber versões em 6 nm

·3 minuto de leitura

A família de placas de vídeo Radeon RX 6000 da AMD está prestes a completar um ano de lançamento e, ainda que estejam sofrendo com a escassez de chips, marcam um período de virada para a fabricante, figurando como as primeiras soluções competitivas com as concorrentes mais poderosas da Nvidia em anos. Mesmo com o tempo curto de vida, tudo indica que o time vermelho já prepara seu próximo grande lançamento.

De acordo com rumores, as Radeon RX 7000 já estão em desenvolvimento, podendo trazer melhorias brutais ao oferecer até três vezes mais desempenho que suas antecessoras. Ainda assim, é possível que nem toda a família de GPUs seja completamente baseada na aguardada microarquitetura RDNA 3 — alguns dos chips da atual geração podem ganhar revisões, possibilidade que acaba de ganhar reforço com o mais recente update da AMD.

Linha RX 6000 ganha novos IDs e pode receber refresh em 6 nm

Conforme descobriu o site Phoronix, engenheiros da AMD adicionaram ao kernel do Linux 17 novos registros para as GPUs Navi 21 (RX 6900 XT, RX 6800 XT e RX 6800), Navi 22 (RX 6700 XT) e Navi 23 (RX 6600 XT).

As IDs são divididas em cinco modelos de codinome Sienna Cichlid, da GPU Navi 21, cinco da série Navy Flounder (Navi 22) e sete variantes da Dimgrey Cavefish (Navi 23). Ainda não se sabe exatamente quais serão as placas equipadas com esses chips, mas algumas teorias foram formadas considerando os números de identificação e o período tardio em relação ao lançamento.

Os novos registros podem indicar a existência de novas placas profissionais, bem como de versões revisadas dos atuais modelos gamer da empresa (Imagem: Reprodução/WCCFTech)
Os novos registros podem indicar a existência de novas placas profissionais, bem como de versões revisadas dos atuais modelos gamer da empresa (Imagem: Reprodução/WCCFTech)

É possível que as novidades estejam relacionadas com modelos customizados de fabricantes parceiras, como foi o caso da RX 6900 XT com resfriamento líquido da SAPPHIRE, ou ainda variantes PRO pensadas para profissionais. Contudo, a chance de estarmos diante de uma nova geração de placas não é descartada, levando em conta rumores recentes sobre a família de placas RX 7000.

Rumores apontam Linha RX 7000 com modelos em RDNA 2 e RDNA 3

Como apontou o leaker Greymon55, a AMD pode lançar a linha Radeon RX 7000 em um misto de microarquiteturas, em vez de apenas revelar modelos com RDNA 3. A tática não é nova e já foi usada pela companhia nas CPUs para ultrabooks Ryzen 5000U, dividida entre as variantes Cezanne, com núcleos Zen 3, e Lucienne, baseadas em Zen 2.

A grande novidade das versões revisadas das GPUs seria a fabricação em 6 nm, o que aumentaria ainda mais a eficiência energética dos componentes, que seriam destinados a placas de entrada e intermediárias, considerando a superioridade das soluções com RDNA 3 voltadas para o segmento high-end e de entusiastas.

Um ponto curioso apontado pelas IDs registradas pela AMD é que, aparentemente, a Navi 21 também pode fazer parte do especulado refresh de 6 nm. Caso se prove verdadeira, a escolha é duvidosa, já que haverá uma GPU com a mesma contagem de núcleos baseada em RDNA 3, fator que poderia desvalorizar a versão revisada do chip com RDNA 2. Seja como for, nos resta aguardar por mais novidades.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos