Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.177,55
    -92,52 (-0,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    55.164,01
    +292,65 (+0,53%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,10
    +0,09 (+0,11%)
     
  • OURO

    1.929,70
    -0,30 (-0,02%)
     
  • BTC-USD

    23.024,44
    +36,52 (+0,16%)
     
  • CMC Crypto 200

    523,89
    -3,30 (-0,63%)
     
  • S&P500

    4.060,43
    +44,21 (+1,10%)
     
  • DOW JONES

    33.949,41
    +205,57 (+0,61%)
     
  • FTSE

    7.761,11
    +16,24 (+0,21%)
     
  • HANG SENG

    22.566,78
    +522,13 (+2,37%)
     
  • NIKKEI

    27.362,75
    -32,26 (-0,12%)
     
  • NASDAQ

    12.060,50
    +187,25 (+1,58%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5216
    -0,0172 (-0,31%)
     

Linha Galaxy Book 3 terá tela AMOLED de 120 Hz, confirma Samsung

Já comum em celulares de diversas faixas de preço, as telas de 120 Hz ainda não são tão comuns em notebooks — ficando geralmente restritas a modelos gamer. Porém, isso deve mudar na linha Galaxy Book 3, de acordo com o que já foi confirmado pela Samsung Display, divisão de telas da Samsung.

Galaxy Book 3 virá com tela de 120 Hz, contra painéis de 60 Hz dos modelos anteriores (Imagem: The Tech Outlook)
Galaxy Book 3 virá com tela de 120 Hz, contra painéis de 60 Hz dos modelos anteriores (Imagem: The Tech Outlook)

Em comunicado feito a órgãos de imprensa, a empresa disse que “mostrará a performance de painel dos seus produtos, com proporção 16:10, taxas de atualização a 120 Hz e resolução 3K”.

Para efeito de comparação, a linha Galaxy Book 2 traz painéis de 60 Hz — característica que foi criticada por alguns usuários ao longo dos últimos meses.

Galaxy Book 3 terá tela mais moderna e sustentável

Na mesma declaração, a Samsung Display afirmou que “planeja aplicar sua tecnologia de painéis OCTA em dispositivos da Samsung”. A solução citada é o On-Screen Touch AMOLED, ou AMOLED de toques na tela, em tradução livre.

Trata-se de uma tecnologia já aplicada em smartphones da linha Galaxy, com foco na capacidade de fabricação do painel. Para isso, a camada de toques é removida, e os sensores do touchscreen são integrados à própria tela.

De acordo com informações fornecidas pela empresa coreana, a solução pode tornar a tela 6 a 11% mais fina. Além disso, o OCTA permite que a fabricação e montagem aconteçam de forma mais sustentável.

Tecnologia OCTA integra sensores do touchscreen ao display (Imagem: Divulgação/Samsung)
Tecnologia OCTA integra sensores do touchscreen ao display (Imagem: Divulgação/Samsung)

No mais, a nova tela ainda conta com as vantagens tradicionais do OLED, como a melhoria no contraste e cores mais vivas. Com a iluminação individual em cada pixel, cenas mais escuras podem alcançar um nível de pretos mais avançado.

Com base no que foi visto durante a CES nos primeiros dias do ano, 2023 deve ser um ano bastante agitado no que diz respeito às tecnologias de display. A popularização de produtos OLED e Mini LED deve ser um movimento bastante perceptível, além de outras soluções mais ousadas — como, por exemplo, as telas 3D, flexíveis, roláveis e micro LED.

A linha Galaxy Book 3 será apresentada no dia 1º de fevereiro, por meio do evento Galaxy Unpacked já marcado pela Samsung. Além dos laptops, a linha Galaxy S23 de smartphones será mostrada, também com telas OLED da marca.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: