Mercado fechado
  • BOVESPA

    122.515,74
    +714,95 (+0,59%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.869,48
    +1,16 (+0,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,49
    -2,46 (-3,33%)
     
  • OURO

    1.816,80
    -0,40 (-0,02%)
     
  • BTC-USD

    38.954,71
    -2.121,73 (-5,17%)
     
  • CMC Crypto 200

    951,68
    -9,21 (-0,96%)
     
  • S&P500

    4.387,16
    -8,10 (-0,18%)
     
  • DOW JONES

    34.838,16
    -97,31 (-0,28%)
     
  • FTSE

    7.081,72
    +49,42 (+0,70%)
     
  • HANG SENG

    26.235,80
    +274,77 (+1,06%)
     
  • NIKKEI

    27.781,02
    +497,43 (+1,82%)
     
  • NASDAQ

    14.959,75
    +4,00 (+0,03%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1431
    -0,0449 (-0,73%)
     

Limite de R$ 300 mil para transações no aplicativo do banco no celular incomoda clientes

·1 minuto de leitura
***FOTO DE ARQUIVO*** 21.02.2019 - Na pandemia, Itaú Personnalité elevou o limite das transações diárias dos clientes pelo aplicativo do banco. (Foto: Gabriel Cabral/Folhapress)
***FOTO DE ARQUIVO*** 21.02.2019 - Na pandemia, Itaú Personnalité elevou o limite das transações diárias dos clientes pelo aplicativo do banco. (Foto: Gabriel Cabral/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - No ano passado, quando a quarentena restringiu os deslocamentos, o Itaú Personnalité elevou o limite das transações diárias dos clientes pelo aplicativo do banco.

​Passado mais de um ano, alguns correntistas estão incomodados com a segurança, achando que o limite está alto demais, especialmente depois do noticiário sobre a proliferação de quadrilhas especializadas em furtar aparelhos de telefone para invadir contas bancárias.

A reportagem recebeu relatos de clientes do Itaú Personnalité que dizem ter levado reclamações aos gerentes porque estão com teto de R$ 300 mil no celular. Procurado pela coluna, o banco diz que o aumento do limite foi possível devido aos investimentos na segurança de seus sistemas com ferramentas como biometria facial, token, senhas de acesso e monitoramentos transacionais.

"Especificamente para o PIX, os limites são definidos e gerenciados segundo diretrizes do Banco Central, e o cliente pode reduzi-los diretamente no aplicativo do banco, caso necessário. Os apps do banco são totalmente seguros e acessados somente com a senha pessoal do cliente", diz o banco em nota.

A instituição recomenda que os clientes não definam senhas óbvias e que jamais as armazenem em emails e aplicativos de notas entre outros cuidados.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos