Mercado abrirá em 9 h 24 min
  • BOVESPA

    119.710,03
    -3.253,98 (-2,65%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.748,41
    -906,88 (-1,83%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,28
    -0,80 (-1,21%)
     
  • OURO

    1.817,20
    -5,60 (-0,31%)
     
  • BTC-USD

    49.858,12
    -7.347,44 (-12,84%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.362,66
    -201,17 (-12,86%)
     
  • S&P500

    4.063,04
    -89,06 (-2,14%)
     
  • DOW JONES

    33.587,66
    -681,50 (-1,99%)
     
  • FTSE

    7.004,63
    +56,64 (+0,82%)
     
  • HANG SENG

    27.985,79
    -245,25 (-0,87%)
     
  • NIKKEI

    27.628,73
    -518,78 (-1,84%)
     
  • NASDAQ

    13.052,75
    +54,25 (+0,42%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4087
    +0,0032 (+0,05%)
     

Limite do Pix aumenta a partir de hoje; entenda

Marcus Couto
·1 minuto de leitura
Pix tem limite aumentado a partir de hoje. (Foto: Getty Images)
Pix tem limite aumentado a partir de hoje. (Foto: Getty Images)

O Pix, sistema de transferência de valores do Banco Central, segue ampliando suas capacidades. A partir desta segunda-feira (1), os limites de transferência serão ampliados, seguindo cronograma já estabelecido anteriormente pelo BC.

Leia também:

O Pix, que oferece uma nova forma instantânea de transferir valores entre contas bancárias, virou uma “febre” desde seu lançamento, em novembro do ano passado, por permitir transferências rápidas e sem taxa entre usuários.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

A partir de agora, o Banco Central definiu que o limite dessas transferências deve ser no mínimo igual ao do TED ou do limite de compras para o débito.

Ainda assim, os clientes devem verificar qual o limite de aplica para seu caso individual, já que esse valor ainda varia de acordo com banco e cliente.

Essas informações devem ser conferidas nos canais de atendimento de cada instituição.

As informações são do portal UOL.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube