Mercado fechado
  • BOVESPA

    116.464,06
    -916,43 (-0,78%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.053,56
    -72,95 (-0,16%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,77
    +0,16 (+0,30%)
     
  • OURO

    1.847,10
    -3,80 (-0,21%)
     
  • BTC-USD

    32.370,31
    +163,87 (+0,51%)
     
  • CMC Crypto 200

    653,16
    +5,83 (+0,90%)
     
  • S&P500

    3.849,62
    -5,74 (-0,15%)
     
  • DOW JONES

    30.937,04
    -22,96 (-0,07%)
     
  • FTSE

    6.654,01
    +15,16 (+0,23%)
     
  • HANG SENG

    29.391,26
    -767,75 (-2,55%)
     
  • NIKKEI

    28.704,52
    +158,34 (+0,55%)
     
  • NASDAQ

    13.550,25
    +64,75 (+0,48%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5129
    +0,0021 (+0,03%)
     

Light negocia venda de participação na Guanhães Energia

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO (Reuters) - A Light informou que aprovou o início de um período de exclusividade para negociações sobre a venda de sua participação na Guanhães Energia à Brasal Energia, em um negócio que poderia envolver 94,6 milhões de reais.

A Guanhães Energia opera as pequenas hidrelétricas Senhora do Porto, Dores de Ganhães, Fortuna II e Jacaré. A Light detém 51% na empresa por meio da controlada Light Energia.

A Light disse em comunicado na noite de sexta-feira que o negócio ainda ficará sujeito a condições precedentes, incluindo aprovações regulatórias e concorrenciais.

"Durante um período de exclusividade de 30 dias a partir de hoje, a Light e a Brasal deverão negociar os termos e condições dos instrumentos aplicáveis, e, caso tais negociações sejam bem-sucedidas, a conclusão efetiva da transação dependerá ainda do cumprimento de condições precedentes", afirmou a empresa no comunicado.

(Por Luciano Costa)