Mercado fechado

Líderes: CEOs de Cielo e Gol explicam como unir eficiência e inovação

Num mundo em que a inovação virou ordem, a eficiência nos processos define o tamanho que a empresa vai ocupar no mercado. E se você acha que quanto maior a companhia, mais distante deste ideal, basta olhar para Cielo e Gol para entender que é tudo sobre gestão.

SIGA O YAHOO FINANÇAS NO INSTAGRAM

A maior credenciadora de cartões do Brasil vive um momento onde precisa manter a confiança de seus serviços, mas também inovar para se adequar aos novos meios de pagamento, cada vez menos dependentes de máquinas e cartões. Para isso, contrataram em 2018 Paulo Caffarelli, que traz a fama de "transformador digital” desde a presidência do Banco do Brasil.

PODCAST LÍDERES: OUÇA A CONVERSA COMPLETA AGORA!

Já a Gol encontra na tecnologia uma forma de agilizar etapas que um voo pede e, consequentemente, trazer uma melhor experiência ao cliente. Atualmente, a empresa está testando um serviço de embarque onde o passageiro precisa fazer apenas um reconhecimento facial.

Desde 2012 no comando da empresa, Paulo Kakinoff já é conhecido por ter agilizado diversos processos burocráticos da aviação - e ainda manter o padrão de segurança necessário para a operação.

Quem é Paulo Caffarelli

Paulo Caffarelli, CEO da Cielo, durante gravação do programa Líderes (Foto: Bruno Ramos)

Antes de assumir a Cielo em 2018, Paulo Caffarelli teve uma trajetória de sucesso no Banco do Brasil, onde ficou durante 19 anos e chegou à presidência da instituição. Ele é considerado responsável por "revolucionar” a estatal, incluindo-a em processos do mundo digital.

Quem é Paulo Kakinoff

Paulo Kakinoff, CEO da Gol, durante gravação do programa Líderes (Foto: Bruno Ramos)

A trajetória de Paulo Kakinoff também é exemplar. Ele ingressou na Volkswagen em 1996, como representante de assistência técnica. Aos 30, já era diretor na montadora, onde escalou cargos até atingir a diretoria executiva para América do Sul. Depois, foi presidente da Audi no país entre 2009 e 2012, quando assumiu a cadeira da companhia aérea.