Mercado fechado

Pandemia é 'túnel do tempo' que antecipou o futuro, diz executivo da Nestlé

Redação Finanças
·2 minutos de leitura

A digitalização dos negócios foi a única saída encontrada por grande parte do varejo brasileiro quando se viu frente a frente com a pandemia de covid-19 e a necessidade de fechar estabelecimentos físicos para conter a propagação do coronavírus. Mas para alguns, essa transformação digital não foi uma surpresa.

"Esse contexto que a gente tá vivendo agora acelera muito coisas que já deveriam acontecer no futuro", diz Bruno Oliveira, head de Inovação e Novos Negócios na Nestlé Brasil. "A gente brinca que o contexto em que a gente está é um túnel do tempo que está trazendo para o agora alguns movimentos que já estavam postos para acontecer num futuro próximo."

Bruno é um dos convidados do mais recente episódio da nova temporada de Líderes, programa original do Yahoo Finanças que coloca frente a frente executivos das principais empresas do Brasil e do mundo para discutir negócios, inovação, empreendedorismo e responsabilidade social.

Episódios anteriores

Neste episódio, Bruno e Mariana Castriota, gerente de marketplace da Magazine Luiza, explicam por que duas das maiores empresas do Brasil correram contra o tempo para lançar plataformas de apoio aos pequenos negócios durante a pandemia.

De acordo com o executivo da Nestlé, é papel das grandes corporações, como a própria Nestlé, apoiar os pequenos e médios empresários nesse processo de digitalização apressada que foi imposto pela pandemia. A companhia "precisa dialogar com um sistema que é muito maior do que ela", diz Bruno. E não basta só oferecer um marketplace para pequenos comerciantes.

"Acho que não dá [para ter] a audácia de achar que o canal digital ou alguma tecnologia vai resolver todos os problemas", comenta Bruno. "A gente tem todo um trabalho de desenvolvimento de competências novas para a gestão de um canal e para que essa gestão seja efetiva."

Quem é Bruno Oliveira

Bruno Oliveira, head de inovação da Nestlé (Foto: Divulgação)
Bruno Oliveira, head de inovação da Nestlé (Foto: Divulgação)

Formado em ciências biológicas pela Universidade de São Paulo, Bruno iniciou sua carreira profissional atuando na área de inovção. Trabalhou na Natura por quatro anos, onde teve como último cargo coordenador de inovação, antes de ir para a L’Occitane, onde ficou por cinco anos. Assumiu o cargo de head de inovação e novos negócios na Nestlé em outubro de 2019.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube