Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,99 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,15
    -10,24 (-13,06%)
     
  • OURO

    1.788,10
    +1,20 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    53.944,30
    -1.066,95 (-1,94%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.365,60
    -89,82 (-6,17%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,04 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.044,03
    -266,34 (-3,64%)
     
  • HANG SENG

    24.080,52
    -659,64 (-2,67%)
     
  • NIKKEI

    28.751,62
    -747,66 (-2,53%)
     
  • NASDAQ

    16.051,00
    -315,00 (-1,92%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3485
    +0,1103 (+1,77%)
     

LG anuncia sistema operacional para carros com base no Android 10

·2 min de leitura

Após anunciar sua saída do mercado de celulares, a LG passou a observar outros segmentos da indústria, como o de automóveis, ao revelar que trabalhava em projetos de carros elétricos e softwares. E o primeiro lançamento oficial da gigante sul-coreana nessa nova empreitada será o desenvolvimento de um sistema operacional automotivo com base no Android 10, que fará a estreia no vindouro Renault Megáne E-Tech Electric, modelo 100% elétrico da montadora francesa que chegará em 2022.

Segundo a LG, o sistema receberá o nome de "IVI" e foi desenvolvido em uma parceria com a própria Renault — além do Google. A montadora revela que é o primeiro software criado pela empresa a utilizar o Scaled Agile Framework (SAFe), um conjunto de princípios e processos para ajudar grandes organizações a adotarem metodologias de desenvolvimento de produtos de modo mais ágil.

Assim como já ocorre em modelos como o Volvo XC40 Pure Electric, que tem um sistema nativo do Google, o Renault Megáne E-Tech Electric, equipado com a variante Android da LG, poderá executar funções por comandos de voz, como ligar o ar-condicionado, selecionar músicas, abrir vidros e até traçar rotas no Google Maps. As atualizações serão todas online, por meio de um chip que, segundo o pessoal do 9to5Google, é de desenvolvimento da Qualcomm.

O novo Renault Megáne E-Tech Electric é a grande aposta da montadora francesa no mercado de carros elétricos depois do estrondoso sucesso do Renault Zoe, que acabou de ter sua nova geração lançada no Brasil. Além de todo o aparato tecnológico desenvolvido pela LG, esse veículo será bem interessante do ponto de vista de desempenho e conforto, já que, em sua variante topo de gama, terá um motor elétrico de 218cv e 30,5 kgf/m de torque, com autonomia de 470 quilômetros.

Vale lembrar que, além da Renault, outras empresas anunciaram que vão utilizar sistemas operacionais em seus carros com base no Android, como a própria Volvo e a Honda.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos