Mercado abrirá em 1 h 38 min
  • BOVESPA

    113.430,54
    +1.157,53 (+1,03%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.564,27
    +42,84 (+0,08%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,87
    0,00 (0,00%)
     
  • OURO

    1.940,50
    -4,80 (-0,25%)
     
  • BTC-USD

    23.025,81
    +136,13 (+0,59%)
     
  • CMC Crypto 200

    524,33
    +5,54 (+1,07%)
     
  • S&P500

    4.076,60
    +58,83 (+1,46%)
     
  • DOW JONES

    34.086,04
    +368,95 (+1,09%)
     
  • FTSE

    7.780,62
    +8,92 (+0,11%)
     
  • HANG SENG

    22.072,18
    +229,85 (+1,05%)
     
  • NIKKEI

    27.346,88
    +19,77 (+0,07%)
     
  • NASDAQ

    12.115,00
    -37,00 (-0,30%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5277
    +0,0121 (+0,22%)
     

Levantamento da XP vê renda fixa na preferência de investidor agressivo e de todas as idades

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Com um cenário de juros altos e turbulência nas empresas listadas na B3, a renda fixa deve se consolidar como a opção principal de investimentos, segundo levantamento com clientes da XP.

Pesquisa da corretora com 10 mil usuários da plataforma aponta que 65% dos participantes vão apostar na compra de títulos da renda fixa para obter rendimentos ao longo do ano.

Fundos imobiliários (48%), ações da B3 (44%), Tesouro Direto (41%) e fundos em geral (35%) aparecem em seguida no ranking de preferências.

Ainda segundo a XP, no recorte por perfil, a renda fixa é considerada por 69% dos investidores conservadores, 66% dos moderados e 64% dos agressivos. Ganha também em todas as faixas etárias.