Mercado fechado

Lenovo lança tablet para estudantes com MediaTek Helio G90T

·2 min de leitura

A Lenovo apresentou nesta segunda-feira (1) um novo tablet em seu país de origem. O modelo ainda deve ser lançado oficialmente nas lojas e terá um uso destinado para o estudos, com uma plataforma de aprendizagem dedicada aliada a um hardware básico para aguentar um uso com esse propósito.

O modelo, batizado de Tianjiao Pad, é equipado pela plataforma MediaTek Helio G90T e conta com memória RAM LPDDR4X e uma unidade UFS 2.1 de armazenamento interno. Até o momento, porém, não foram especificadas as capacidades de cada uma. Já o display é um painel LCD de 11 polegadas com resolução de 2000 x 1200 pixels e brilho máximo de 400 nits. Outra vantagem é sua certificação de baixa emissão de luz azul da TÜV Rheinland, que garante um maior conforto após horas de uso.

O tablet ainda conta com uma bateria de 7.700 mAh com suporte para carregamento rápido de 20 W, e é consideravelmente fino, com espessura de 7,5 mm e peso de 490 gramas — o que não chega a ser surpresa, devido a capacidade da bateria.

Em relação ao sistema, ele chega com o Android 11 instalado de fábrica e ainda deve receber a atualização para com a interface personalizada ZUI13. O dispositivo ainda conta com a plataforma de aprendizagem “Tianjiao Academy Immersion System”. O aparelho oferece, de forma nativa, 23.771 conteúdos de vídeo em sala de aula e abrange 1.666 aulas temáticas com 20.962 tutoriais de 10 matérias como linguagem, matemática, inglês, biologia, história, geografia, política, química, física e ciência.

Outra vantagem é que o tablet ainda oferece um mecanismo de acompanhamento para os pais, com o qual será possível monitorar o progresso de aprendizagem dos filhos por meio de um aplicativo dedicado para celulares.

Preço e disponibilidade

(Imagem: Divulgação/Lenovo)
(Imagem: Divulgação/Lenovo)

O tablet chega às lojas chinesas no dia 11 de novembro, a tempo para o dia mais importante para o comércio local — ocasião equivalente à Black Friday. Ele será disponibilidado por 1.299 yuans — cerca de R$ 1.140 em conversão direta. Até o momento, porém, não há informações sobre a disponibilidade em outros países.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos