Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,13 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,50
    +0,46 (+0,65%)
     
  • OURO

    1.763,90
    -10,90 (-0,61%)
     
  • BTC-USD

    35.633,80
    -2.118,87 (-5,61%)
     
  • CMC Crypto 200

    888,52
    -51,42 (-5,47%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,37 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.103,00
    -62,50 (-0,44%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0361
    +0,0736 (+1,23%)
     

Lenda do rock diz que comprou bitcoins durante ‘crash’ do mercado

·2 minuto de leitura
Gene Simmons.
Gene Simmons.
  • Gene Simmons voltou a falar sobre investimento em criptos.

  • Ele revelou que comprou criptos durante ‘crash’ do mercado.

  • Músico falou a seus fãs no Twitter fazerem sua própria pesquisa.

O músico Gene Simmons, vocalista da banda Kiss, já conhecido por seus investimentos em criptos, voltou a falar sobre bitcoin em meio ao “crash” da última semana. Simmons revelou que aproveitou a baixa nos preços para acumular mais criptos:

Leia também:

“Não vou dizer a vocês o que fazer. Não sou um consultor financeiro. Simplesmente quero que vocês saibam que eu investi pesado durante essa queda das criptos. Se eu acho que vai haver uma recuperação? Sim. Forte. É por isso que estou investindo pesado. Mas sempre faça sua própria pesquisa”, escreveu o músico no Twitter.

O bitcoin era cotado a cerca de US$38 mil no fechamento deste texto.

Bitcoin ‘respira’

O final de semana teve novos dias de altíssima tensão para os investidores de bitcoin e outras criptomoedas, que viram a cotação voltar a despencar, com o ápice das quedas ocorrendo na madrugada de sábado para domingo.

A cotação chegou a voltar ao patamar dos US$33 mil, com recuo de 13%. Foi o suficiente para uma nova onda de pânico se espalhar pelo mercado.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Ao final do domingo, no entanto, a cotação da mais valiosa das criptomoedas voltou a se recuperar. Fechou dia cotada a cerca de $37 mil.

Segundo um serviço que mede o “sentimento” no mercado de criptos, o nível de medo é neste momento considerado “extremo”.

‘Criptocalipse’

A manhã da última quarta-feira (19) viu o ápice do nervosismo até agora no mercado de criptomoedas, conforme a cotação do bitcoin despencou abruptamente, e em minutos passou dos US$38 mil para a faixa de US$31 mil, com a liquidação repentina de bilhões de dólares.

Entre os investidores do “núcleo duro” do bitcoin, o que se via era espanto, mensagens sobre “não olhar a cotação no dia de hoje” e, para alguns, oportunidade de comprar moedas a um preço muito mais atraente.

“Eu não vou vender”, escreveu Michael Saylor, presidente da Microstrategy e um dos maiores compradores de bitcoin.

O “crash” desta quarta-feira é o ápice até o momento do desabamento que começou com o anúncio de Elon Musk de que a Tesla deixaria de receber bitcoins na venda de seus veículos. A notícia atingiu em cheio um mercado que já vinha carregado de nervosismo por conta de grandes vendas de “baleias” – grandes investidores com poder de mobilizar a cotação com seus movimentos de compra e venda.

O anúncio da Tesla jogou a cotação ainda mais para baixo, e a partir daí o preço do bitcoin desmoronou gradualmente, até chegar a pouco mais de US$31 mil.

Mas não foi só o bitcoin que caiu. O ether, segunda moeda mais valiosa nesse espaço, viu seu preço chegar a cerca de US$ 2,2 mil.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos