Mercado abrirá em 1 h 38 min

Leilão milionário de ‘atuns gigantes’ no Japão sofre com a COVID-19

Marcus Couto
·1 minuto de leitura
Atum leiloado no Japão. (Foto: Kyodo News via AP)
Atum leiloado no Japão. (Foto: Kyodo News via AP)

Os tradicionais leilões milionários de “atuns gigantes” realizados anualmente, na virada do ano, no Japão, foram afetados nesta temporada pelo avanço da pandemia do novo coronavírus no país oriental.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Mas mesmo assim, um único peixe, um espécime de atum rabilho, conhecido por sua carne saborosa e valor altíssimo, foi vendido por mais de R$ 1 milhão.

Leia também:

Apesar do preço extraordinário, o valor ficou bem abaixo do recorde do ano passado, que quase bateu a casa dos R$ 10 milhões pela venda de um único peixe, da mesma espécie de atum rabilho.

Neste ano, um dos maiores e mais tradicionais compradores de atum no Japão, a Kiyomura Corp, que controla uma rede de restaurantes de sushis, anunciou que ficaria de fora dos leilões, segundo reportagem da agência de notícias Reuters.

O motivo é a pandemia do coronavírus. Segundo seu representante, a notícia da chegada de peixes de alta qualidade a seus restaurantes tende a aumentar a demanda e, consequentemente, o movimento em suas unidades – algo que a empresa não deseja neste ano, com o vírus ainda em alta circulação.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube