Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.923,93
    +997,93 (+0,90%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.234,37
    -223,23 (-0,43%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,72
    +1,74 (+2,18%)
     
  • OURO

    1.813,10
    +3,50 (+0,19%)
     
  • BTC-USD

    17.212,84
    +253,38 (+1,49%)
     
  • CMC Crypto 200

    407,51
    +6,09 (+1,52%)
     
  • S&P500

    4.071,70
    -4,87 (-0,12%)
     
  • DOW JONES

    34.429,88
    +34,88 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.556,23
    -2,26 (-0,03%)
     
  • HANG SENG

    18.675,35
    -61,05 (-0,33%)
     
  • NIKKEI

    27.846,04
    +68,14 (+0,25%)
     
  • NASDAQ

    12.004,00
    -6,25 (-0,05%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4988
    +0,0048 (+0,09%)
     

Leilão da Receita tem iPhone 12, iPhone 13 Pro Max e mais

A Receita Federal abriu mais de seus leilões, com mercadorias abandonadas ou apreendidas pela autoridade. Desta vez, os lotes serão arrematados pela unidade do Pará, mas, dependendo do conjunto, é necessário buscar as mercadorias em Roraima, Rondônia, Manaus, Amapá, Acre e, claro, Pará. As propostas devem ser enviadas até o dia 28 de novembro, com lances no dia 29, a partir das 10h.

Os produtos disponibilizados nesse e em outros leilões da autoridade vêm de apreensões realizadas pela Receita Federal, desde pessoas que voltam de uma viagem internacional com o limite de compras estourado e não declaram certos objetos, até encomendas realizadas de forma ilegal com compradores tentando burlar as normativas do órgão e não pagar impostos sobre os itens.

Desta vez são 152 lotes, com itens que vão de roupas até veículos. Para quem gosta de tecnologia, há vários produtos da Apple, incluindo os iPhones mais poderosos e recentes; MacBook, iPads e Apple Watch. Tem também Galaxy A52, Redmi Note 11 Pro 5G, entre outros.

Para verificar todos os itens e quantidades, basta acessar o site da Receita na página do edital 0217800/000003/2022. Vale destacar que todas as mercadorias obtidas no leilão não contam com garantia ou certeza de seu pleno funcionamento. Além disso, alguns itens são apenas para consumo, vedada a comercialização.

Por fim, os itens só podem ser retirados presencialmente no local em que estão armazenados.

Como participar do leilão da Receita Federal?

Caso tenha ficado interessado no leilão, saiba que é necessário estar em dia com seus impostos perante a Receita Federal. Um certificado digital também é necessário, que pode ser obtido seguindo o guia do Canaltech.

Com o certificado em mãos, você deve acessar o Portal e-CAC e obter um código de acesso. Depois, é só visitar a página do leilão da Receita e dar os lances nos lotes de interesse.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: