Mercado fechará em 4 h 16 min

Leilão do 1º Ciclo de Oferta Permanente de Partilha é marcado para 16 de dezembro

Plataforma na Bacia de Campos

(Reuters) - O leilão do 1º Ciclo de Oferta Permanente de Partilha de Produção de petróleo foi marcado para 16 de dezembro, segundo cronograma divulgado nesta quarta-feira pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

A agência também informou que a comissão de licitação da Oferta Permanente de Partilha de Produção (OPP) aprovou a qualificação da Shell Brasil como Operadora A+, uma nova exigência para esse regime de contratação, após análise dos pareceres de qualificação da licitante.

Serão ofertados no processo 11 blocos, distribuídos nas Bacias de Campos e de Santos: Itaimbezinho, Norte de Brava, Bumerangue, Cruzeiro do Sul, Sudoeste Sagitário, Ágata, Água Marinha, Esmeralda, Jade, Turmalina e Tupinambá.

Os bônus de assinatura referentes aos blocos variam de 7 milhões a 511 milhões de reais, e a alíquota mínima de excedente em óleo à União, de 4,88% a 22,71%.

A Petrobras manifestou interesse em atuar como operadora, com participação mínima de 30%, em cada um dos blocos de Água Marinha e Norte de Brava.

(Por Rafaella Barros)