Mercado fechará em 5 h 42 min

Legoland reabre com medidas de distanciamento social

Chris Palmeri

(Bloomberg) -- O Legoland, o primeiro grande parque temático da Flórida a reabrir após três meses de suspensão pelo coronavírus, atraiu grupos pequenos na segunda-feira.

Os hóspedes do resort Winter Haven, na Flórida, não eram obrigados a usar máscaras e apenas alguns optaram pela proteção, disse Denise Preskitt, que administra o site do parque temático Mousesteps.com e esteve lá para a reabertura. Segundo ela, o funcionamento das operações foi mais lento.

Legoland, uma unidade do Merlin Entertainments com sede no Reino Unido, não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

A indústria de parques temáticos, que chega a US$ 19,3 bilhões, está paralisada desde março devido à pandemia de Covid-19. Os resorts iniciam a reabertura nesta semana, começando pelos da Flórida.

Em Orlando, Universal Studios, da Comcast Corp., vai reabrir nesta semana para funcionários e para alguns titulares de passes de temporada. A partir de 5 de junho, estará aberto para o público em geral. Six Flags Entertainment Corp. abrirá em Oklahoma City no mesmo dia e SeaWorld Entertainment Inc. marcou para 11 de junho a reabertura de suas propriedades na Flórida.

A Walt Disney, maior operadora de parques temáticos do mundo, aguardará até meados de julho para reabrir seus resorts. A administração disse que pretende fazê-lo a “passos de bebê.” A empresa suspendeu novas reservas para hotéis e restaurantes, pois trabalha em um sistema de reservas para entrada nos parques em dias específicos. Outras operadoras não estão exigindo reservas para seus parques temáticos.

Limpeza de assentos

Jay Scutt, que administra um canal do YouTube dedicado aos parques e também visitou a Legoland, disse que a espera por um passeio durou meia hora, apesar de haver apenas algumas pessoas na fila. Os operadores colocavam até duas pessoas em veículos que podiam acomodar muito mais e estavam limpando assentos e áreas próximas após o uso por cada grupo de visitantes.

“Eles estão sendo extremamente cuidadosos”, disse ele.

As fontes de água em Legoland foram desligadas. Áreas onde as crianças brincavam com peças de Lego foram fechadas e fotos com personagens do parque foram suspensas, de acordo com Preskitt. Nos restaurantes, os hóspedes eram incentivados a usar cartões de crédito, em vez de dinheiro. Todos foram convidados a usar máscaras.

“As máscaras não apenas protegem, mas são legais e misteriosas (basta perguntar a ninjas e super-heróis)”, dizia uma placa.

A entrada para a Legoland custou US$ 90 por um ticket de um dia comprado on-line e US$ 95 se adquirido no local.

Universal Studios estendeu uma promoção de até US$ 65 para um ticket de três dias aos residentes da Flórida até o final de junho. Originalmente a promoção acabaria em 2 de abril. Os quartos dos resorts da Universal estão sendo oferecidos por apenas US$ 79 por noite, segundo o site da empresa.

Taxas de cancelamento, que podem chegar a US$ 200 ou mais, estão sendo suspensas até o final de agosto.

For more articles like this, please visit us at bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2020 Bloomberg L.P.