Mercado abrirá em 8 h 47 min
  • BOVESPA

    107.557,67
    +698,80 (+0,65%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.918,28
    +312,72 (+0,62%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,86
    -0,19 (-0,26%)
     
  • OURO

    1.791,50
    +6,80 (+0,38%)
     
  • BTC-USD

    50.408,96
    -405,76 (-0,80%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.302,38
    -18,90 (-1,43%)
     
  • S&P500

    4.686,75
    +95,08 (+2,07%)
     
  • DOW JONES

    35.719,43
    +492,40 (+1,40%)
     
  • FTSE

    7.339,90
    +107,62 (+1,49%)
     
  • HANG SENG

    24.055,60
    +71,94 (+0,30%)
     
  • NIKKEI

    28.774,05
    +318,45 (+1,12%)
     
  • NASDAQ

    16.401,75
    +83,75 (+0,51%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3533
    +0,0136 (+0,21%)
     

Legisladores dos EUA já querem “corrigir” a nova fiscalização de criptos no país

·2 min de leitura

Resposta imediata

A nova política de fiscalização e taxação sobre criptomoedas aprovada pelo presidente Joe Biden causou reações negativas tanto no mercado, que sofreu com quedas bruscas nos preços dos ativos, quanto por parte de opositores, que já se movimentam para tentar mudar o cenário.

A primeira resposta a se concretizar é encabeçada pelos Republicanos Patrick McHenry e Tim Ryan, mas também conta com apoio de diversos representantes dos Democratas.

O projeto de lei “Mantendo a Inovação na América” já foi encaminhado ao departamento de serviços financeiros nacional e propõe, principalmente, a suspensão da obrigação das exchanges de relatar ao governo todas as transações de criptomoedas que serão feitas de 2024 até 2026.

“Informações consistentes e precisas sobre ativos digitais são necessários, mas o congresso deve trabalhar para trazer estes aspectos de forma mais condizente com essa indústria, deixando claras as regras da estrada que promovem a tecnologia e a inovação”, diz o comunicado.

Adequação ao funcionamento do mercado de criptos

O ponto em que este e os demais projetos de leis em formação se baseiam para mudar legalmente o cenário é a mudança do status de “corretora” dado às plataformas de transações de criptomoedas na assinatura da segunda-feira (15).

Ao classificar as exchanges e afins dessa maneira, informações pessoais dos envolvidos e detalhes das movimentações serão obrigatoriamente disponibilizadas ao governo, o que escapa consideravelmente dos princípios de privacidade e descentralização nos quais os criptoativos se baseiam.

“A lei inclui os relatórios sobre os ativos digitais e acaba empurrando inovadores e empreendedores deste mercado para outros países. Nós temos como corrigir estes novos padrões que foram construídos de maneira pobre e garantir que eles se tornem compatível com a maneira que essa tecnologia funciona”, pontuou McHenry sobre a necessidade imediata de reajustes.

Logo após a assinatura das novidades junto aos demais projetos de reformas estruturais, as criptomoedas deixaram o momento de altas históricas vividas entre o final de setembro e outubro para testemunhar a desvalorização das 50 maiores moedas do mercado de maneira simultânea.

Como resultado, o total acumulado investido em criptos caiu do recém atingido patamar de US$ 3 trilhões para a casa dos US$ 2,6 tri na abertura da semana.

This article was originally posted on FX Empire

More From FXEMPIRE:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos