Mercado fechará em 1 h 54 min
  • BOVESPA

    109.466,46
    +1.452,99 (+1,35%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.726,20
    -97,03 (-0,18%)
     
  • PETROLEO CRU

    87,65
    +0,69 (+0,79%)
     
  • OURO

    1.841,80
    -1,40 (-0,08%)
     
  • BTC-USD

    43.286,26
    +1.135,29 (+2,69%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.029,07
    +33,81 (+3,40%)
     
  • S&P500

    4.588,40
    +55,64 (+1,23%)
     
  • DOW JONES

    35.408,63
    +379,98 (+1,08%)
     
  • FTSE

    7.585,01
    -4,65 (-0,06%)
     
  • HANG SENG

    24.952,35
    +824,50 (+3,42%)
     
  • NIKKEI

    27.772,93
    +305,70 (+1,11%)
     
  • NASDAQ

    15.293,25
    +259,75 (+1,73%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1310
    -0,0364 (-0,59%)
     

Lava a jatos clandestinos são alvo de operação da Polícia Civil na Zona Norte do Rio

·1 min de leitura

RIO — Lava a jatos clandestinos são alvo de uma operação da Polícia Civil, nesta terça-feira, entre os bairros Bonsucesso e Benfica, na Zona Norte do Rio. Conhecida como "Faixa de Gaza", a região e a rua onde os estabelecimentos estão instalados irregularmente é dominada e explorada por uma das maiores organizações criminosas de traficantes do estado do Rio.

A ação da 21ª DP (Bonsucesso) conta com apoio da Polícia Militar e concessionárias de energia e de água. Segundo as investigações, os lava a jatos funcionam sem autorização dos órgãos públicos competentes e prejudicam a circulação de veículos, já que uma das faixas da via é ocupada.

Para a prática da atividade, os responsáveis pelos estabelecimentos clandestinos furtam energia elétrica e água e cometem crimes ambientais. Além disso, utilizam cones de sinalização, em sua maioria, furtados de empresas e órgãos da prefeitura.

De acordo com os agentes, o tráfico de drogas explora os lava a jatos para aumentar a arrecadação. Os responsáveis pelos estabelecimentos devem pagar R$ 30 por dia aos traficantes. Além disso, indivíduos que se intitulam "donos do ponto" também cobram uma taxa para a prática da atividade.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos