Mercado fechará em 1 h 22 min
  • BOVESPA

    113.292,91
    +1.019,90 (+0,91%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.479,21
    -42,22 (-0,08%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,72
    +0,82 (+1,05%)
     
  • OURO

    1.945,20
    +6,00 (+0,31%)
     
  • BTC-USD

    23.132,38
    -36,23 (-0,16%)
     
  • CMC Crypto 200

    525,33
    +6,53 (+1,26%)
     
  • S&P500

    4.048,60
    +30,83 (+0,77%)
     
  • DOW JONES

    33.880,94
    +163,85 (+0,49%)
     
  • FTSE

    7.771,70
    -13,17 (-0,17%)
     
  • HANG SENG

    21.842,33
    -227,40 (-1,03%)
     
  • NIKKEI

    27.327,11
    -106,29 (-0,39%)
     
  • NASDAQ

    12.076,50
    +108,50 (+0,91%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5269
    -0,0201 (-0,36%)
     

The Last of Us | Série pode dividir história do segundo jogo em mais temporadas

The Last of Us nem estreou ainda na HBO, mas os criadores da série já estão pensando no que vem em seguida. E com a primeira temporada trazendo toda a história do jogo original em nove episódios, Neil Druckmann e Craig Mazin dizem já estar quebrando a cabeça tentando descobrir como contar o restante da história.

Em entrevista ao Collider, a dupla responsável pela adaptação deixa claro que já está mirando na trama de The Last of Us Parte II, que se passa anos depois do primeiro jogo e que traz muitos mais personagens e acontecimentos relevantes para a trama. Por isso mesmo eles acreditam que dificilmente será possível resumir tudo em apenas nove ou dez capítulos.

Para contar a história do segundo jogo, produtores não descartam dividir a trama em mais de uma temporada (Imagem: Divulgação/Naughty Dog)
Para contar a história do segundo jogo, produtores não descartam dividir a trama em mais de uma temporada (Imagem: Divulgação/Naughty Dog)

“Provavelmente, a quantidade de história restante exigiria mais de uma temporada para ser contada”, explica Mazin. Segundo ele, o nível de coisas apresentadas no segundo jogo é muito maior do que no primeiro e o simples fato de a narrativa acompanhar dois pontos de vistas paralelos é algo que exige mais tempo.

The Last of Us Parte II se passa cinco anos após os eventos do game original e sua história é centrada tanto em Ellie quanto em Abby, uma outra sobrevivente desse mundo pós-apocalíptico e que tem seu destino alterado após cruzar o caminho da protagonista e de Joel. E é ao brincar com as diferentes perspectivas de cada personagem que está o mérito do jogo.

Os showrunners da série não sinalizam como imaginam adaptar essas duas perspectivas na série, mas é interessante ver como eles estão dispostos a dividir a história em mais de uma temporada para poder explorar e aprofundar todas essas relações. É um sinal positivo de que a HBO não pretende acelerar as coisas para fazer com que cada temporada resuma um jogo e tampouco para esticar o seriado para aproveitar o sucesso.

De acordo com o próprio Mazin, essa liberdade de adaptar em mais de uma temporada não significa deixar a narrativa sem rumo ou criar conteúdos originais que se distanciam da obra original. “Nosso objetivo é contar a história que existe da melhor maneira possível em outra mídia”, diz.

The Last of Us estreia na HBO e HBO Max neste domingo (15).

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: