Mercado abrirá em 8 h 32 min
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,35 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,03
    +0,39 (+0,54%)
     
  • OURO

    1.774,80
    +5,80 (+0,33%)
     
  • BTC-USD

    34.200,79
    -1.451,08 (-4,07%)
     
  • CMC Crypto 200

    845,95
    -94,00 (-10,00%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,32 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.413,42
    -387,85 (-1,35%)
     
  • NIKKEI

    27.957,37
    -1.006,71 (-3,48%)
     
  • NASDAQ

    14.004,00
    -31,00 (-0,22%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0037
    -0,0324 (-0,54%)
     

Lançamento de foguete Electron, da Rocket Lab, falha e dois satélites são perdidos

·2 minuto de leitura
Lançamento de foguete Electron, da Rocket Lab, falha e dois satélites são perdidos
Lançamento de foguete Electron, da Rocket Lab, falha e dois satélites são perdidos

Um foguete Electron, da Rocket Lab, falhou em seu lançamento neste sábado (15), após uma anomalia na segunda fase de ignição resultar na perda de telemetria e desligamento dos motores de propulsão, o que levou à perda total da missão. O foguete levava consigo dois satélites de observação planetária da empresa BlackSky, e o voo foi comissionado pela Spaceflight.

“Um problema foi identificado durante o lançamento de hoje, resultando na perda da missão. Nós pedimos sinceras desculpas aos nossos clientes BlackSky e Spaceflight”, disse a RocketLab por meio de sua conta oficial no Twitter. “O problema ocorreu logo após a segunda fase da ignição”.

Leia mais

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Pelas imagens registradas em uma câmera montada no próprio foguete, pouco mais de dois minutos após a separação da segunda fase de ignição (o propulsor auxiliar, ou “booster”, no termo técnico), é possível ver o foguete pender para um dos lados antes de se desligar por completo. A confirmação da perda de telemetria veio quatro minutos após o lançamento.

O foguete Electron da Rocket Lab levantou voo às 8h11 da manhã deste sábado, após aproximadamente uma hora de atraso devido a ventos mais fortes do que o previsto. Esta foi a vigésima (20ª) missão da empresa e foi apelidada de “Running Out of Toes” (“Ficando sem dedos dos pés”, na tradução literal).

“A Rocket Lab está trabalhando junto da Administração Federal de Aviação (FAA) para investigar a anomalia e identificar a causa primária para corrigir este problema em missões futuras”, disse a empresa em um comunicado publicado em seu site oficial.

Vale lembrar, porém, que esta não foi a primeira falha em um lançamento de foguete da Rocket Lab: em julho de 2020, uma única falha elétrica causou a perda de seu foguete na ocasião e, em 2017, outro problema de telemetria resultou na falha de seu primeiro lançamento de um foguete Electron. Todas as outras missões da empresa, porém, foram bem sucedidas e chegaram à órbita da Terra sem dificuldades.

A falha mais recente vem em meio a testes de novas práticas de reuso implementadas pela Rocket Lab: a empresa vem avaliando novas funções de direcionamento que, em tese, lhe permitirá resgatar foguetes separados no ar (sem aterrissagem) ao agarrar seus paraquedas com um helicóptero: o motivo seria o de reaproveitá-los em missões futuras e economizar em custos de produção.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos