Mercado fechado
  • BOVESPA

    119.371,48
    -690,52 (-0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.092,31
    +224,69 (+0,46%)
     
  • PETROLEO CRU

    61,66
    +0,23 (+0,37%)
     
  • OURO

    1.785,60
    +3,60 (+0,20%)
     
  • BTC-USD

    50.926,50
    -2.810,55 (-5,23%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.168,74
    -74,31 (-5,98%)
     
  • S&P500

    4.134,98
    -38,44 (-0,92%)
     
  • DOW JONES

    33.815,90
    -321,41 (-0,94%)
     
  • FTSE

    6.938,24
    +42,95 (+0,62%)
     
  • HANG SENG

    28.755,34
    0,00 (0,00%)
     
  • NIKKEI

    28.975,44
    -212,73 (-0,73%)
     
  • NASDAQ

    13.768,25
    +18,00 (+0,13%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5460
    +0,0044 (+0,07%)
     

Kuroda pede a BCs que tomem medidas "voltadas para o futuro" em relação a riscos climáticos

·1 minuto de leitura
Presidente do banco central do Japão, Haruhiko Kuroda

TÓQUIO (Reuters) - O presidente do banco central do Japão, Haruhiko Kuroda, pediu nesta quinta-feira aos bancos centrais que tomem "medidas prospectivas" na gestão dos riscos das mudanças climáticas e façam progresso constante na superação dos desafios associados.

"(...) As mudanças climáticas estão tendo um efeito significativo na gestão da política monetária dos bancos centrais. Dada sua poderosa influência sobre a atividade econômica e o sistema financeiro no médio e longo prazos, os bancos centrais devem tomar as medidas necessárias contra o impacto das mudanças climáticas", afirmou Kuroda em um workshop internacional online organizado pelo Banco do Japão sobre riscos financeiros relacionados ao clima.

(Por Leika Kihara)