Mercado abrirá em 5 h 26 min
  • BOVESPA

    110.035,17
    -2.220,83 (-1,98%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.592,91
    +282,61 (+0,64%)
     
  • PETROLEO CRU

    62,69
    +1,19 (+1,93%)
     
  • OURO

    1.753,50
    +24,70 (+1,43%)
     
  • BTC-USD

    46.183,37
    +1.205,20 (+2,68%)
     
  • CMC Crypto 200

    922,53
    -10,61 (-1,14%)
     
  • S&P500

    3.811,15
    -18,19 (-0,48%)
     
  • DOW JONES

    30.932,37
    -469,63 (-1,50%)
     
  • FTSE

    6.483,43
    -168,53 (-2,53%)
     
  • HANG SENG

    29.451,91
    +471,70 (+1,63%)
     
  • NIKKEI

    29.663,50
    +697,49 (+2,41%)
     
  • NASDAQ

    13.127,00
    +216,00 (+1,67%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7609
    +0,0026 (+0,04%)
     

Kremlin diz que convite de Musk a conversa com Putin é "muito interessante"

·1 minuto de leitura
Elon Musk observa o smartphone durante conferência

MOSCOU (Reuters) - Sobre um convite do chefe da Tesla, Elon Musk, para o presidente russo, Vladimir Putin, juntar-se a ele em uma conversa em um aplicativo de rede social, o Kremlin disse "muito interessante" nesta segunda-feira.

Musk marcou a conta de Twitter do Kremlin no domingo, escrevendo: "Você gostaria de se juntar a mim para uma conversa no Clubhouse?"

"Seria uma grande honra falar com você", acrescentou Musk, o homem mais rico do mundo, em um tuíte posterior em russo.

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, disse aos repórteres em uma teleconferência: "Em geral, esta é, claro, uma proposta muito interessante, mas precisamos entender o que ela pretende, o que está sendo proposto... primeiro precisamos verificar, depois reagiremos".

O Clubhouse, um aplicativo sediado na cidade norte-americana de San Francisco que foi lançado no ano passado, exige que os recém-inscritos sejam convidados por usuários antes de participarem. Ele oferece uma sessão de salas de bate-papo em áudio que é dividida por tópicos.

Putin, ex-agente do KGB que chegou a descrever a internet como um projeto da Agência Central de Inteligência dos Estados Unidos (CIA), expressa sua desconfiança pela tecnologia moderna há anos.

"Queremos entender primeiro. O presidente Putin não usa redes sociais diretamente em pessoa, ele não as tem", disse Peskov.

(Por Tom Balmforth e Dmitry Antonov)