Mercado fechará em 3 h 22 min

Kim Kardashian paga R$ 128,5 milhões a ex-marido Kanye West por mansão

·1 min de leitura
O casal anunciou a separação em fevereiro de 2021
O casal anunciou a separação em fevereiro de 2021 (Foto: Reprodução Reuters /Danny Moloshok

Resumo da notícia

  • O casal anunciou a separação em fevereiro de 2021

  • A mansão já se tornou meme pelas redes sociais

  • Kim agora é a única dona da residência

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Kim Kardashian, 40, pagou a Kanye West, 43, aproximadamente US$ 23 milhões (R$ 128,5 milhões em cotação de hoje) pela mansão que eles compraram em 2014, em Hidden Hills, Califórnia, segundo a People. Agora ela é oficialmente a única dona da propriedade. 

Os registros de Los Angeles confirmam que Kardashian pagou US$ 20 milhões (R$ 111,8 milhões) pela propriedade e US $ 3 milhões (R$ 16.700 milhões) pela mobília, arte e outros conteúdos. 

Leia também:

Kardashian e West compraram a mansão e trabalharam por mais de seis anos com o arquiteto belga Axel Vervoordt para criar um interior totalmente branco exclusivo para o espaço. A casa da família West se tornou a mais popular do Pinterest 

A mansão já viralizou com memes e "polêmicas" pela decoração branca e a "pia invisível". "Tudo no mundo exterior é tão caótico. Gosto de entrar em um lugar e imediatamente sentir a calma", explicou Kim em entrevista à Architectural Digest. 

A notícia da compra da propriedade Hidden Hills por Kardashian chega um mês depois que uma fonte imobiliária disse à People que West comprou uma casa à beira-mar em Malibu por quase US $ 60 milhões (R$ 335 milhões na cotação atual). Uma fonte disse que a casa tem ângulos retos com ênfase na luz. 

O casal anunciou a separação em fevereiro de 2021, e o site americano Page Six afirma que a estrela de Keeping Up with the Kardashians fazia de tudo para salvar o casamento conturbado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos