Mercado abrirá em 1 h 38 min
  • BOVESPA

    106.924,18
    +1.236,18 (+1,17%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.579,90
    +270,60 (+0,55%)
     
  • PETROLEO CRU

    109,39
    -1,10 (-1,00%)
     
  • OURO

    1.802,90
    -5,30 (-0,29%)
     
  • BTC-USD

    29.973,01
    +132,61 (+0,44%)
     
  • CMC Crypto 200

    671,43
    -9,68 (-1,42%)
     
  • S&P500

    4.023,89
    +93,81 (+2,39%)
     
  • DOW JONES

    32.196,66
    +466,36 (+1,47%)
     
  • FTSE

    7.416,76
    -1,39 (-0,02%)
     
  • HANG SENG

    19.950,21
    +51,44 (+0,26%)
     
  • NIKKEI

    26.547,05
    +119,40 (+0,45%)
     
  • NASDAQ

    12.337,00
    -45,75 (-0,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2798
    +0,0207 (+0,39%)
     

Juiz considera 'enganoso' tweet de Musk sobre retirar Tesla da Bolsa, dizem investidores

·2 min de leitura
O bilionário Elon Musk (AFP/Britta Pedersen) (Britta Pedersen)

O tweet de Elon Musk em 2018, alegando que ele tinha financiamento suficiente para retirar a Tesla da Bolsa, foi considerado "enganoso" por um juiz, de acordo com um documento de investidores que processam o grupo.

Os investidores apresentaram uma queixa contra a fabricante de veículos elétricos e Elon Musk, acusando-os de tê-los feito perder dinheiro após a publicação do referido tweet, já que as ações da empresa oscilaram por alguns dias.

No documento, apresentado na sexta-feira e conhecido pela AFP no sábado, os demandantes exigem que o juiz ordene a Musk que pare de afirmar publicamente que ele de fato "obteve o financiamento" para retirar o grupo automobilístico do mercado de ações a uma taxa de 420 dólares por ação, como aconteceu pela última vez na quinta-feira em uma coletiva de imprensa.

Musk afirmou que estava conversando com o fundo soberano da Arábia Saudita na época e que tinha toda a confiança de que essas negociações acabariam bem-sucedidas. Mas nenhum acordo foi anunciado.

De acordo com o documento apresentado pelos investidores, o juiz do caso concluiu recentemente em uma decisão parcial que “as alegações de Musk eram falsas e enganosas e que Musk fez essas declarações de forma imprudente e com pleno conhecimento de que deturpou os fatos em seus tweets”.

Os denunciantes acreditam que Musk iniciou uma campanha pública "para apresentar uma versão contraditória e falsa" desse tweet, a fim de influenciar os membros do júri que participarão do julgamento que será realizado em maio.

A Securities and Exchange Commission (SEC, na sigla em inglês) também denunciou as declarações de Musk devido à falta de provas sobre o suposto financiamento.

Consequentemente, o regulador impôs-lhe a retirada da presidência do conselho de administração da Tesla, o pagamento de uma multa de 20 milhões de dólares e exigiu que os seus tweets relacionados com a atividade da empresa fossem aprovados por um jurista competente.

Musk, que atualmente está tentando comprar o Twitter, contestou esta última medida no tribunal no início de março.

jum/ob/cjc/dga/aa

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos