Mercado fechará em 4 h 10 min

JPMorgan prevê leve recessão nos EUA em 2023

Sede do JP Morgan em Nova York

(Reuters) - Economistas do JPMorgan preveem uma "recessão leve" nos Estados Unidos na segunda metade do próximo ano, dadas as expectativas de que o Federal Reserve aperte ainda mais a política monetária em sua batalha contra a inflação.

O banco de investimento prevê contração da economia de 0,5% no quarto trimestre do próximo ano e possivelmente se arrastando para 2024. Isso deve reduzir o Produto Interno Bruto (PIB) dos EUA em 2023 para 1%, quase metade de sua previsão para 2022.

O JPM espera mais 100 pontos-base de aumentos de juros pelo Fed até março de 2023, depois de subir mais de 300 pontos-base até agora este ano. Uma elevação de 50 pontos é esperada em dezembro, seguida de duas altas de 25 pontos em fevereiro e março.

A instituição vê a inflação dos preços ao consumidor nos EUA diminuindo para 4,1% até o final de 2023. Em outubro, a taxa era de 7,7%. O índice PCE, medida de inflação preferida do Fed, deve moderar para 3,4% no próximo ano.

A desaceleração resultante na demanda agregada pode levar a economia dos EUA a eliminar mais de um milhão de empregos até meados de 2024, o que pode influenciar o Fed a reduzir os juros em 50 pontos-base por trimestre a partir do segundo trimestre de 2024, disse o JPM.

(Reportagem de Siddarth S. em Bengaluru)