Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.264,96
    +859,61 (+0,67%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.315,69
    -3,88 (-0,01%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,75
    +0,09 (+0,12%)
     
  • OURO

    1.785,30
    +2,40 (+0,13%)
     
  • BTC-USD

    32.542,30
    -2.908,93 (-8,21%)
     
  • CMC Crypto 200

    783,29
    -67,05 (-7,89%)
     
  • S&P500

    4.224,79
    +58,34 (+1,40%)
     
  • DOW JONES

    33.876,97
    +586,89 (+1,76%)
     
  • FTSE

    7.062,29
    +44,82 (+0,64%)
     
  • HANG SENG

    28.400,73
    -88,27 (-0,31%)
     
  • NIKKEI

    28.696,69
    +685,76 (+2,45%)
     
  • NASDAQ

    14.135,50
    +5,50 (+0,04%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9762
    +0,0009 (+0,02%)
     

Jovem coloca pés de maconha na janela para tomar sol e é presa

Vizinho flagrou as plantas na janela do apartamento e denunciou a mulher. (Foto: Reprodução)
Vizinho flagrou as plantas na janela do apartamento e denunciou a mulher. (Foto: Reprodução)

Uma mulher de 22 anos foi presa após colocar sete pés de maconha na janela de seu apartamento, em São José do Rio Preto, no interior de São Paulo. A auxiliar administrativa foi denunciada à polícia pelo vizinho, que viu as plantas.

De acordo com as informações relatadas no boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi acionada por um vizinho da mulher, residente em um condomínio no bairro Vila Elmaz. O morador afirmou que a mulher teria deixado os vasos com os pés de maconha na janela do apartamento, expostos ao sol.

Leia também

Em uma vistoria na residência, a polícia encontrou os sete vasos da planta, além de mudas que estavam no guarda-roupas e quase R$ 7,7 mil em dinheiro.

Plantas foram apreendidas, junto com uma pequena quantidade da droga. (Foto: Reprodução/Polícia Militar)
Plantas foram apreendidas, junto com uma pequena quantidade da droga. (Foto: Reprodução/Polícia Militar)

Na delegacia, a mulher alegou que as plantações eram para fins medicinais. A jovem vai continuar presa à disposição da Justiça.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos