Mercado fechado
  • BOVESPA

    101.259,75
    -658,25 (-0,65%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    38.707,72
    +55,52 (+0,14%)
     
  • PETROLEO CRU

    39,78
    -0,86 (-2,12%)
     
  • OURO

    1.903,40
    -1,20 (-0,06%)
     
  • BTC-USD

    13.000,30
    -17,23 (-0,13%)
     
  • CMC Crypto 200

    260,05
    -1,40 (-0,54%)
     
  • S&P500

    3.465,39
    +11,90 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    28.335,57
    -28,13 (-0,10%)
     
  • FTSE

    5.860,28
    +74,63 (+1,29%)
     
  • HANG SENG

    24.918,78
    +132,68 (+0,54%)
     
  • NIKKEI

    23.516,59
    +42,29 (+0,18%)
     
  • NASDAQ

    11.669,25
    +19,50 (+0,17%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6630
    +0,0529 (+0,80%)
     

Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé após discussão motivada por pastel

·3 minutos de leitura
Discussão entre jovem casal teria acabado em tragédia em Goiás - Foto: Acervo Pessoal/Reprodução G1
Discussão entre jovem casal teria acabado em tragédia em Goiás - Foto: Acervo Pessoal/Reprodução G1

Uma jovem de apenas 19 anos é suspeita de matar o namorado usando uma agulha de narguilé, após uma discussão que teria sido motivada por um pastel de feira. O caso, que aconteceu em Aparecida de Goiânia, Região Metropolitana da capital, é investigado pela Polícia Civil que afirma que a vítima tinha uma perfuração no lado esquerdo do peito. As informações são do G1.

“Havia uma perfuração no mamilo esquerdo, causada no momento em que o casal discutia, por causa de um pastel de feira. Parece que eles saíram para comer esse pastel sem ela querer. Ela teria ficado nervosa e eles começaram a discutir. Parece que era uma relação muito imatura”, disse o delegado ao G1.

Leia também

A investigada, identificada como Nicola Maria, afirmou à polícia que Adailton Gomes, 24 anos, havia partido para cima dela com um narguilé quebrado e, para se defender, acabou o atingindo com a agulha. A jovem disse que não esperava o ocorrido e relatou desespero com a situação.

“Foi em um momento em que o casal discutia. Ele estava com o narguilé quebrado, foi para cima da investigada, sua companheira. Houve uma reação, ela pegou uma outra parte desse narguilé e teve a perfuração. Ele já caiu e ela ficou desesperada”, conta o delegado.

A morte aconteceu na tarde de sexta-feira (18), na casa da suspeita. A suspeita inicial sobre o óbito seria de um infarto, porém a equipe da polícia notou uma perfuração. O delegado afirmou que o ferimento era muito pequeno e diz que a polícia aguarda a conclusão do laudo cadavérico para confirmar a causa da morte.

“Foi um orifício muito pequeno no mamilo. Se realmente for essa a causa da morte, vai ter sido uma fatalidade absurda. Ele caiu de barriga no chão. Pessoal [agentes] pensou que foi uma morte súbita. Após o golpe ele caiu agonizando, mas ainda não temos uma conclusão”, garante o delegado responsável.

Segundo o G1, o caso segue sendo investigado pelo Grupo de Investigação de Homicídios, que deve ouvir mais testemunhas nesta semana. Só após conclusão do inquérito será decidido se a jovem será responsabilizada e por quais crimes ela poderá responder.

Ao G1, Maria das Graças de Abril, mãe da vítima, pediu que a justiça seja feita. Ela diz que, após a morte do filho, a jovem suspeita se mudou e não voltou a entrar em contato com a família.